Polícia Civil, um sonho perdido

quarta-feira, 1 de julho de 2009

Existem inúmeras razões que podem motivar uma pessoa a querer se tornar um policial. Eu, particularmente, decidi me tornar um policial por 2 motivos: primeiro, por desejar exercer uma profissão que fosse ao mesmo tempo nobre e importante e, segundo, queria um trabalho que proporcionasse ação e não fosse rotineiro, pois pode parecer insano, mas gosto do perigo e de correr riscos. Quando me inscrevi e fui aprovado no concurso de 2003 para o cargo de Detetive da Polícia Civil, achei que estava entrando para uma profissão assim, para um órgão policial de verdade. Achei que seria Detetive, um investigador.

No item 1.1 (Descrição sumária das atividades) do edital do concurso, dizia:

"Detetive é o servidor policial que tem a seu cargo a investigação e coleta de elementos para elaboração de inquéritos e processos sumários, policiamento preventivo especializado, cumprimento de mandados, escolta de presos e investigação sobre paradeiros de pessoas desaparecidas (Art. 70 da Lei nº 5.406, de 16 de dezembro de 1969 - Lei Orgânica da Polícia Civil de Minas Gerais)."

Fui enganado! Até acabou-se com o cargo de Detetive, mudando a denominação para Agente de Polícia. Preferia muito mais o termo Detetive, que delimitava melhor a especialidade da função e nos correlacionava com os Police Detectives das outras forças policiais do mundo. Agente é um termo muito genérico e que costuma ser referenciado aos agentes federais.

Pode-se dizer, pelo menos sob meu ponto de vista, que a Polícia Civil já não é mais um órgão policial de verdade. As delegacias foram transformadas em cartórios. "Você vai numa delegacia e o que menos vai encontrar são policiais correndo atrás de criminosos. Eles ficam lá batendo carimbo e preocupados com prazos e procedimentos legais. Há um formalismo que não tem nada a ver com o problema criminal." (comentário realizado pelo sociólogo Claudio Beato, diretor do Centro de Estudos de Criminalidade e Segurança da UFMG em entrevista com o jornal Folha de São Paulo em 10/11/2008.)

Os governantes ainda só estão preocupados com números e não com a qualidade do serviço. Realiza-se muito mais em termos de quantidade, voltando-se para as atividades internas de intimar, ouvir e remeter o mais breve possível o procedimento à justiça, do que se empenhar na qualidade dos serviços externos de investigações, investigação de campo.

Nos distritos, as delegacias operacionais, normalmente têm cerca de 800 a 1000 inquéritos em trâmite, sem contar as centenas de REDS (Registros de Eventos de Defesa Social) e de TCOs (Termos Circunstanciados de Ocorrência). Os poucos policiais civis ocupam a maior parte do tempo atendendo ao público para registrar suas ocorrências, na grande maioria das vezes tratando-se de simples perda de documentos ou de objetos que não é motivo para gerar uma investigação, redigindo e protocolando documentos e deslocando-se para realizar intimações ou encaminhar inquéritos e outros expedientes à outras unidades. Os trabalhos ficam por conta dos escrivães ou dos agentes desviados de sua função que irão apenas ouvir os relatos e depoimentos, reunir as informações e encaminhar ao poder judiciário. Pois é, acabaram-se as cadeias nas delegacias e os policiais civis deixaram de tomar conta de presos para tornarem-se "office boys" da justiça. Não há investigação. Investigação mesmo, havendo levantamento, coleta de evidências, campanas nos locais de ocorrências de crime, cruzamento de informações, filmagem ou fotografia, escuta, etc.: nada.

Nas delegacias especializadas é ainda pior, pois, só no caso da homicídios, são geralmente 80 inquéritos, ou seja, 80 homicídios, para cada agente, por mês. E todos com prazo. É praticamente impossível de se investigar corretamente. Muitos acabarão não sendo investigados se acumulando.

Atualmente, quase que a totalidade das prisões realizadas, principalmente durante os plantões, são feitas pela Polícia Militar através de ocorrências ou até mesmo por meio de investigações realizadas pela inteligência desta (P2). Difícil ver uma prisão feita por uma investigação iniciada e concluída pela própria Polícia Civil.

Algumas vezes há sim uma certa investigação que gera uma operação policial e que acaba resultando na prisão de criminosos. Mas pode apostar que houve um interesse particular ou pressão política ou social para isso. Outras vezes há uma pequena operação, para fazer propaganda sabe, mostrar a comunidade que a polícia "está trabalhando" e que geralmente não resulta em prisão nenhuma, afinal não houve levantamento, não houve investigação. Foi só pra inglês ver.

Por outro lado, em várias unidades de apoio tático da PC e em determinadas unidades administrativas, os policiais civis sofrem com o tédio. Ficam ociosos grande parte do tempo e são impedidos ou não têm competência para investigar nem um mísero furto que esteja acontecendo frequentemente próximo às suas unidades.

Acabou aquele tira bom de serviço que só vivia nas ruas ou dentro da viatura. Que estava atento a tudo que ocorresse nas ruas. Que tendo vários informantes, sabia quase tudo. Aquele que virava as noites e ficava altas horas da madrugada de campana para saber o que um suspeito estava aprontando ou iria aprontar. Que estava pronto a qualquer hora do dia ou da noite pro que der e vier, para uma operação ou para fazer uma prisão. Aquele polícial 24 horas que não tinha medo de "bronca", que não tinha medo de nada. Que, orgulhoso do distintivo, gritava: "POLÍCIA! PERDEU, PERDEU. MÃOS NA CABEÇA E ENCOSTA NA PAREDE. A CASA CAIU, TÁ PRESO!"

Hoje o tira bom é aquele servidor, preferencialmente submisso, que entende de informática ou o polícial de escritório, nos moldes do funcionário público: cumpridor de horário, que chega à repartição exatamente às 08:30h; senta-se em frente à mesa ou ao computador; permanece ali o dia inteiro, pausando de vez em quando para tomar um café ou bater um papo; pára ao meio-dia em ponto para o almoço; retorna pontualmente as 14h; senta-se denovo na mesa ou no computador, pausando novamente para os coffee breaks; até dar 18:30h para ir embora o mais rápido possível do entedioso trabalho. Trabalho depois do expediente, nem pensar! Este, passou a ser o servidor ideal para a polícia. E se um destes, sei lá, que possui um espírito policial, se deparar com uma situação e resolver fazer uma prisão. Ao levar o suspeito para a delegacia, mesmo não tendo agido com abuso algum, mesmo tendo executado o procedimento de forma legal, ainda pode não contar com apoio e ouvir um monte de broncas de seu chefe por "estar dando trabalho".

Não estou dizendo que queria o retorno daquela polícia antiga e obsoleta que só apurava tudo através da tortura, no pau de arara. Isso não é investigação. Alguns ainda dizem que assim se apurava muitos crimes e que só desse jeito é possível apurá-los. Mas qualquer um que esteja sob tortura vai inventar qualquer coisa, dizer até o que não fez, simplesmente para se livrar do sofrimento. É verdade, que em certas situações extremas, repito, EXTREMAS, a lei é incompetente e ineficaz. E para solucionar isso é necessário atuar fora da lei. Vai me dizer que você não agiria de forma ilícita para pegar um criminoso que matasse um filho seu ou estuprasse sua mulher e ficasse impune? Não se trata de vingança, e sim de punição. Mas, como eu disse, tratam-se de situações extremas e raras. E mesmo assim, aquele que o fizer estará correndo o risco de ser responsabilizado por seus atos. Agora a prática cotidiana de tortura ou da arbitrariedade policial é sim totalmente condenável.

Acreditava que nós policiais da nova geração poderíamos atuar de forma mais inteligente, melhorando a imagem da Polícia Civil. Sonhava com uma PC diferente, encarregada única e exclusivamente do exercício de polícia judiciária, ou seja, das investigações criminais. Sonhava que a PC poderia ter tanta moral quanto a Polícia Federal. Aliás até mais, pois o número de crimes investigados e solucionados seriam incrivelmente grandes, reestabelecendo a sensação de segurança e adquirindo o respeito da mídia e da população.

Mas para que isso ocorresse era necessário que a Polícia Civil abandonasse tudo que a ela não dizia respeito para então somente fazer aquilo que era de sua competência: investigação.

Sendo assim, devia parar de ficar "enxugando gelo", correndo atrás de bandidos e traficantes "pé-de-chinelo" ou de ficar perseguindo os pobres na favela. Quando se fala em investigar, já pensam logo em "ir pro morro", pô! Ao invés de ficar prendendo no ato qualquer viciado e pequenos ladrõeszinhos, passar a observá-los e monitorá-los para se chegar aos que comandam a atuação destes, o crime organizado.

Crime organizado

O crime organizado não é aquele que gira em torno dos traficantes dos morros, o bandido altamente armado, dono das bocas de fumo e nem de quadrilhas armadas especializadas em roubos a bancos e sequestros. Conforme exposto pelo documentário Notícias de uma guerra particular (1999), de João Moreira Salles e Kátia Lund, os chamados "donos dos morros" não constituem uma organização criminosa verdadeiramente operacional. Têm realmente um mínimo de coodernação entre as atividades financeiras, de comércio, de proteção armada, de combate e de "apoio comunitário". Entretanto, eles não têm conhecimento ou contatos suficientes para movimentar milhões de dólares ou participar do jogo de poder e dinheiro que caracteriza o relacionamento com as altas cúpulas do Estado constituído.

Conforme o Promotor de Justiça de Minas Gerais e professor da PUC Minas, Marcelo Cunha de Araújo, sobre o crime crime organizado no Brasil, a ligação entre o tráfico e o crime organizado não se dá nos morros (ou nos presídios) e sim em um nível hierárquico-organizacional acima. Para cada dono de boca de fumo, existe alguém mais sofisticado e poderoso que consegue financiar a atividade sem se expor ou sem "sujar as mãos" com a violência da guerra na favela. Esse alguém mais sofisticado e poderoso tem íntimas ligações com o Estado e é pessoa que, dentro do sistema, opera de forma a impossibilitar sua mudança. Trata-se do financiador oculto de campanhas eleitorais, do empreteiro que misteriosamente vence licitações, do lobista que consegue verbas no orçamento, do intermediário que facilita a obtenção de sentenças em determinado sentido. Tal crime é organizado porque possui entre seus componentes servidores e membros do governo corrompidos.

Guarda de presos

A guarda e custódia de presos não deveria ser mais atribuição da PC, a não ser estritamente durante a fase de investigação. Felizmente, neste quadro nosso governo conseguiu solucionar isso criando a Subsecretaria de Administração Penintenciária e transferindo a responsabilidade para os agentes penitenciários. Nesse sentido o problema já foi resolvido.

Atribuições e serviço administrativo

Delegado era Delegado e Polícia era Polícia. Os Delegados, chefes que dirigiam as unidades, supervisionavam as ações dos agentes e coodernavam as operações policiais. Os agentes, investigadores, lidavam diretamente com as investigações, agindo com maior autonomia, sem ter que ficar "pedindo benção" ao delegado para cada procedimento que fosse realizar. O serviço administrativo seria realizado somente por agentes administrativos e técnicos especializados. Escrivães não eram mais sobrecarregados, cuidavam unicamente das suas atribuições, secretários e digitadores terceirizados os auxiliavam, realizando as funções que não lhe diziam respeito. Eventualmente, poderia se atribuir o serviço administrativo aqueles policiais que fizeram alguma besteira ou que se tornaram inaptos para o serviço operacional.

Termo Circunstanciado de Ocorrência

O Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) nada mais é do que uma transcrição do REDS/BO registrado pela Polícia Militar. Ele seria repassado pela PM diretamente aos juizados competentes, pois trata-se de trabalho do poder judiciário e não de polícia, muito menos de polícia investigativa, deixando as delegacias de ficarem marcando audiências e transcrevendo os REDS/BO como se fossem "secretarias privilegiadas dos juizados".

Competência

A competência seria descomplicada. Simplesmente ratione locci. A polícia uniformizada não se fragmenta em competências ratione materia ou persona e, menos ainda, ratione valoris. Como seria responsável apenas pela investigação criminal, e não pela prevenção, assim como também não mais ficava responsável em atender ao público para registrar ocorrências, o que deveria ser feito pela PM com um número maior de militares e servidores que os auxiliariam, acabaria aquele enorme números de pequenas delegacias espalhadas pela cidade, muitas vezes instaladas em pequenas casas que demonstravam sua fragilidade e eram um chamativo para serem invadidas por grupos armados. Isso economizaria ainda nos gastos que o Estado tem com os vários imóveis. A polícia uniformizada e preventiva que deveria sim ser mantida espalhada por toda a cidade de modo a aumentar sua eficácia e agilizar o atendimento das ocorrências.

Para a Polícia Civil haveria apenas Departamentos em cada município. E nos maiores municípios, haveriam ainda as Delegacias Regionais. Cada delegacia, seja departamento ou regional, seria responsável pela sua respectiva área. E as atribuições especializadas, como homicidios, narcóticos, roubos, fraudes, eram divisões que funcionavam dentro das próprias delegacias. Não haveria mais a separação de policiais civis comuns e policiais civis especializados. Todos eram especializados pois trabalhavam em alguma divisão dentro das unidades.

Prédios

Os prédios das delegacias seriam grandes, bonitos e, naturalmente, cheios de policiais. Possuiriam câmeras de vigilância e segurança especializada terceirizada. Definitivamente haveria um controle de entrada em suas dependências. Ninguém entrava sem identificação e autorização. Nunca mais alguém que simplesmente vestisse um terno iria conseguir se passar por delegado e entrar em todas as áreas da unidade. Ninguém mais haveria de tentar invadir uma delegacia.

Aparência

Não haveria mais policiais ignorantes, com pouca instrução, com aquela aparência de "bicheiros", donos de jogo do bicho". Geralmente mal vestidos, portando pochete e usando aquele colete de tecido, feio que dói, escrito "Polícia Civil" atrás e na frente desenhado, na lateral, um brasão de todo tamanho. Essa imagem que deve ter contribuido para a origem daquele personagem da Escolinha do Professor Raimundo, o Seu Fininho, interpretado pelo ator André Mattos que sempre dizia: "É PULIÇA! P-U-L-I-Ç-A! OTORIDADE!"

Os Detetives, tipicamente, deveriam usar ternos esporte ou outro traje formal (business attire), adaptados para o clima tropical do nosso país, quando dentro de delegacias, fórums, prédios públicos, cenas de crime, ou quando estivessem realizando funções burocráticas e investigativas onde o uso de uniformes chamaria muita atenção ou seria intimidatório, mas ainda houvesse a necessidade de se estabelecer e se demonstrar como uma autoridade.

Os Detetives que permanecessem maior tempo nas ruas e que não comparecessem tanto nos locais acima, usariam roupas comuns, urbanas ou street ou outro tipo de traje geralmente usado pelo público, no ambiente que estejam, de modo a se misturarem com o público sem chamar a atenção.

Os segundo caso também se aplicaria quando convocados para reforçar a segurança em estádios e eventos, pois identificariam as infrações com muito mais eficácia e não revelaria ao público suas identidades prejudicando qualquer serviço investigativo futuro. Como um detetive pode investigar se a sua identidade e sua função já ficou estampada para todos? Além disso, a polícia uniformizada, com seus cacetetes, cães e equipamentos táticos são mais treinados para exercer a segurança e lidar com a multidão.

Quem nunca entrou numa delegacia e ficava sem saber quais das pessoas são ou não policiais? Algumas vezes, dá pra distinguir porque se vê claramente alguém portando uma arma na cintura. Mas se a arma não estiver à mostra, não dá pra saber quem das pessoas que estão lá, são policiais. Já houve situação que até detentos foram confundidos como policiais. Por isso seria obrigatória a utilização do distintivo por todos os policiais civis, no exercício de suas atividades, salvo, é claro, quando a necessidade do serviço exija sua ocultação. O distintivo deveria ser fixado nas vestes do policial, em local de fácil visualização, devendo ser usado no cinto do lado direito, no bolso superior do paletó, no lado esquerdo da camisa ou dependurado no pescoço, à altura do peito.

Unidades táticas

No máximo uma divisão tática em cada departamento. Particularmente nem acho que seria necessário a Polícia Civil ter uma unidade tático-uniformizada. Para quê 2 tropas de elite em polícias diferentes se a função é a mesma, dar apoio em operações ou rebeliões? Acabaria com aquelas inúmeras unidades de apoio tático com policiais civis uniformizados. Praticamente todos os policiais da PC atuariam na investigação. Quando fosse necessário um apoio tático numa operação, por exemplo, a PM e seus grupos táticos ou de elite (Tático Móvel, ROTAM, GATE, etc.) apoiavam dando cobertura na atuação dos policiais civis. Creio até que iriam com a maior boa vontade, pois a PM gosta de estar em operações junto com a PC, além de serem bem mais treinados nesta função ostensiva. Mas, se por alguma razão, que não seja vaidade, que eu desconheça acha-se necessário a PC ter uma unidade tática, então que fosse como dito: no máximo uma divisão tática em cada departamento.

Detran

A Polícia Civil não deveria mais ficar encarregada de emplacar veículos, expedir documentos de trânsito ou carteiras de motoristas. Todos os policiais que trabalhavam no Departamento de Trânsito passariam a trabalhar em delegacias. Examinadores? Ora deixe o agentes de trânsito incubidos desta tarefa. O Chefe da Polícia Civil de Minas Gerais, Marco Antônio Monteiro de Castro, até que começou a pôr em prática essa idéia, mas não prosseguiu. Possivelmente alguém deve ter "berrado". Na verdade, eu acharia até melhor se o Detran passasse a ser um órgão independente, não pertencendo a Polícia Civil, pois não tem nada a ver com polícia judiciária. Mas sabemos muito bem que isso não seria feito pois o Detran é uma fonte de dinheiro e poder enorme...

Departamento de informática

Não há necessidade de existir um departamento de informática só para a polícia, constituído basicamente por policiais. Os policiais civis que ficavam trabalhando como técnicos de computadores seriam todos remanejados para as delegacias. Todo o serviço de informática seria prestado pelo órgão ou departamento especializado que presta os mesmos serviços para os outros órgãos do governo. Ou então deveria ser contratado por empresas terceirizadas que garantiam o serviço sempre que necessário.

Instituto de Identificação

O Instituto de Identificação não ficaria engarregado de emitir carteiras de identidade. Órgãos especializados ficavam incubidos desta tarefa. O I.I., teria como prioridade o arquivo criminal digitalizado e informatizado. Com sistemas como o AFIS (Automatic Fingerprint Identification System) seria possível identificar qualquer impressão digital deixada na cena do crime, independentemente da existência de suspeitos. Se possível, apareceria até a cor da cueca do malandro.

Instituto Médico Legal

O Instituto Médico Legal não ficaria todo o tempo mais realizando S.V.O. (serviços de verificação de óbito). Estes seriam realizados agora pelas prefeituras municipais. O IML realizaria apenas as autosias de interesse criminal. Desta forma, os laudos médicos sairiam rapidinho...

Instituto de Criminalística

Quanto ao Instituto de Criminalística (IC), o departamento forense, o pessoal que trabalha lá é que é mais indicado a comentar as necessidades deste departamento. Embora não precise ser um perito para saber que tal departamento poderia operar com modernos e sofisticados aparelhos, desenvolvendo técnicas científicas com peritos ou agentes forenses muito bem preparados.

Departamento de transportes

Viaturas caracterizadas para investigação? Nada disso. As viaturas, quase todas descaracterizadas. Seriam muito poucas as viaturas caracterizadas.

A oficina e o abastecimento dos carros seriam realizados por profissionais especializados terceirizados que garatissem a eficiência do serviço, acabando com a acumulação de veículos quebrados no pátio. Qualquer peça que precisasse ser adquirida seria providenciada na hora. Todas as viaturas estariam seguradas, de modo que os policiais não tinham que ficar preocupados de serem responsabilizados por acidentes.

Serviço de inteligência

O serviço de inteligência era de inteligência de verdade. Não mais seria uma unidade totalmente administrativa onde os agentes ficavam grudados o dia inteiro no computador lidando com estatísticas ou sistemas. Sendo descentralizado nas delegacias passaria a reunir e fornecer informações para a divisões, quando estas precisassem, para a investigação criminal. Estabeleceria correspondência com o policiamento velado e serviço de inteligência da PM (P2), promovendo intercâmbio de informações e ações. Não haveria mais burocracia para rastrear em instantes a localização dos sinais emitidos pelos aparelhos telefônicos de vítimas pedindo socorro, de suspeitos falando ao telefone ou de aparelhos roubados. O serviço de inteligência coordenaria a infiltração de agentes undercover (disfarçados) com total discrição e suas identidades e as de informantes seriam mantidas sob absoluto sigilo preservando sua integridade.

Corregedoria

A Corregedoria, mais do que uma casa punitiva que coloca medo em todos os policiais, transformaria em sede de orientação e de justiça policial. Até mudaria de nome, passando a se chamar "Assuntos Internos". Ela saberia diferenciar, orientando o bom policial que poderia ter agido erroneamente ou cometido alguma besteira no exercício da função e por outro lado, agindo com firmeza e punindo o mal policial que, dolosamente, se corrompia ou abusava de sua autoridade manchando o nome da instituição.

Academia de polícia

A Academia de polícia, realizaria constantemente cursos para capacitar os policiais com professores altamente capacitados. Suas aulas não seriam mais chatas, possuindo métodos bem didáticos que despertavam o interesse do acadêmico. Teria parcerias e convênios com universidades e com academias particulares possibilitando o preparo físico diário ou semanal dos policiais até mesmo nas regiões distantes da academia de polícia. Cada delegacia deveria possuir um stand de tiro devendo ser fornecido munição para treinamento pelo menos 1 vez por mês. Os policiais errariam muito menos e agiriam muito mais conforme os parametros legais.

Integração

A PC trabalharia realmente de forma integrada com a polícia uniformizada. Não só ficavam juntos, de costas um para o outro, porque eram obrigados pela política governamental, mas atuavam conjuntamente, trocando conhecimentos e se ajudando mutuamente. Se a PM precisar de apoio da PC, vamos colaborar. Se o contrário, ela nos apoie também.

Dessa forma, a Polícia Civil funcionaria às mil maravilhas. A criminalidade decresceria, o povo sentiria-se seguro e o governo tão satisfeito com as metas alcançadas, que até poderia dar substancial aumento de salário aos policiais em reconhecimento aos seus excelentes trabalhos. A PC seria um dos órgãos de maior credibilidade do Estado.

Mas infelizmente é um sonho perdido. Por isso, hoje estão todos se aposentando e todo mundo que passa no concurso e entra pra Polícia Civil, se decepciona, permanece pouco tempo e sai pra qualquer outra coisa melhor. Não é mais uma profissão, é apenas um "bico". Só me resta fazer o mesmo: estudar e cair fora o mais rápido possível. É como diz o Capitão Nascimento: "não vai ficar ninguém"!

Autor: "Ricke" P. H. Gonçalves
AGENTE DA POLÍCIA CIVIL DE MINAS GERAIS

Agradeço ao delegado Eduardo A. Pacheco e seu "Pesadelo Policial", do qual compartilhamos várias dessas idéias. Agradeço também ao detetive (agora agente) Claudio R. David com o qual aprendi muitas lições.



Gostou desta postagem? Então cadastre-se AQUI para receber as atualizações do Universo Policial no seu e-mail ou no seu agregador de Feed/RSS.

118 comentário(s):

Anônimo disse...

sem comentários... esse texto é pura realidade! detetive ??? só em filmes mesmo! existe mais pm que investiga do que pc nas ruas , é lamentável!

Anônimo disse...

Parabéns. Leio blogs policiais todo dia, apesar de já estar na reserva da PMMG, ainda não consegi cortar a relação. É simplesmente a realidade e o q deveria ocorrer. Texto bem elaborado, verdadeiros, idéias construtivas e o principal, sem aquele ranço de uma Instituição falar mal d outra.
Mais uma vez PARABENS.

Sub Ten Marcos

José Ricardo disse...

Ricke, este artigo é excepcional. Muito bom mesmo. Bem regidido, claro, e direto ao ponto. Sonho perdido? Perdido ou não, é preciso sonhar.

Companheiro, o blog estará sempre aberto para publicar seus textos. Saudações de um co-irmão.

Ricke disse...

Valeu parceiro, obrigado pela força! Pode contar comigo tb.
Ricke.

Anônimo disse...

Incrível. o Texto caracteriza a mais pura realidade. A respeito da aparência dos policiais achei perfeito. A polícia federal não é respeitada somente pelos seus salários, mas também pela postura dos seus agentes. Parabéns me caro,vc certamente é um grande policial civil. Apesar dos pesares acredito que chegaremos a uma polícia civil ideal!!!!

Anônimo disse...

Parabéns ao policial Ricke. Realmente ele sabe do que está falando. Infelizmente pessoas assim, com esta excepcional capacidade de expressão e conhecimento, estão tentando deixar a Polícia e o pior para todos, vão conseguir. Parece que é até "proibido" pessoas com estas qualidades continuem em seu trabalho, pois o que muitas "autoridades" e nossa hipócrita sociedade gostam mesmo é de gente ignorante na Polícia. Talvez seja mais fácil a manipulação, pois também já percebi que "pensar" na Polícia, seja Militar ou Civil, não é uma boa escolha. Somos treinados somente para obedecer ordens e cumpri-las de acordo com a vontade e vaidades dos superiores. Novamente, PARABÉNS pelo texto e tenho certeza que a Instituição vai perder um grande profissional. Valeu!

Anônimo disse...

Um delegado uma vez me falou que a PM investiga mais que a Policia Civil, mas não é a PM QUE INVESTIGA MUITO NÃO, É A CIVIL QUE NÃO INVESTIGA..INFELIZMENTE......PARABENS AO RICKE POR DIZER A VERDADE SÓ BOTANDO A BOCA NO TRONBONE É QUE MELHORAREMOS A SEGURANÇA PÚBLICA!

Aline disse...

Brilhante coloação a respeito das dificuldades em ser um bom policial, antes de entrar na polícia tb tinha uma viaão diferente, e aida sonho com o dia em que a segurança no país será levada a sério.
A. Barbosa PM/Al

Heitor disse...

Amigos do UNIVERSO POLICIAL .
Confesso que fiquei emocionado com o artigo POLICIA CIVIL ...UM SONHO PERDIDO .
As palavras deste policial resumem tudo.
Não há mais o que se falar ....melhor seria o silencio e a tristeza.
Compartilho com as palavras do mesmo e sei bem o que ele quiz dizer. Tenho parentes na POLICIA CIVIL e o que vejo nas conversas do dia a dia são exatamente o que foi exposto .
Será que existe uma desmotivação ?
A questão é salarial ?
Policial Civil R$ 1,200.00 inicial de carreira ...EXIGENCIA 2º GRAU ...CURSO DE + OU - 1 ANO ....HORARIO DE TRABALHO 8:30 AS 18:30 segunda a sexta feira ...mas o mesmo é policial 24 horas.
VIGILANTE BANCARIO/segurança patrimonial ...Curso de 15 dias ...exigencia de escolaridade NIVEL BASÍCO...trabalha 12 hs descansa 36 hs ...significa que trabalha 15 dias e fica 15 em casa ...salario R$ 920,00 .
Na policia civil tem AGENTE DE POLICIA formado em DIREITO e outros cursos superiores recebendo o mesmo salario do que tem o 2º grau.
Porque o governador não aprova logo esta lei que passa o ingresso na policia civil para o 3º grau MELHORANDO O SALARIO DE TODA CLASSE.

Anônimo disse...

Realmente é vergonhoso a situação da Civil no Brasil, especialmente em nas grandes metrópolis (estou em São Paulo). Se vocês forem ao Google, e verificarem a opinião dos brasileiros sobre polícia civil, verificarão que se confirma plenamente com artigo acima, só ainda mais terríficante, ao ponto de quase intitularem PC de Polícia Corrupta, em que a PC nas grandes metrópolis (com raras exceções) é praticamente sócia do crime especialmente naqueles em que "rola mais grana" (claro dos bandidos pé chinelo)tráfico de entorpecente, tranbiques, favorecimentos, etc - e muitas vezes até sócia marjoritaria destas operações, ao ponto de se o bandido chefe de boca não pagar percentagem, ele leva bala. Meus caros era só o que faltava, uma grande parte da PC indo pro relativismo geral, onde certas coisinhas são apenas coisinhas, e malandro que é malandro , fatura em cima malandro. Então realmente precisa fazer uma cha-fa-xina com muita gente. Imagine sujeitos armados, despreparados, ignorantes, mal treinados....Andando pela...rua.. Porra... Já bastam os bandidos (na minha opinião, que me desculpe a Convenção de Genébra, tem casos só tortura resolve... Óbviamente que em bandidos,de verdade e praticadas com pessoas adequadas... E não em uma dúzia de romanticos pensadores estudantis, e revolucionários políticos desconhecedores de Strategia, como foi na nossa negra época de ditadura. Sendo que as vítimas do ontem governam o país hoje. Não acredito ser essa a melhor resposta para governar o país.)
Amigos enfim a descrença na lei vem sem dúvida em grande parte, pela incompetência da nossa Judiciária Estadual, sendo que ela, poderia ser a mais importante de todas (pois em tese encontra-se mais próxima do cidadão). Seu papel investigativo e de inteligência são insubstituveis, e seguindo a linhas dos países desenvolvidos, e a polícia do povo , civil , representante das investigações e soluções de casos, e a militar (que na maioria desses países é extinta) deve cumprir missões de ostensividade, pela qual é sua tônica. E no caso do Brasil, deve sim cumprir um papel essêncial junto a PC.
Compartilho com o mesmo sonho do amigo, com uma ressalva: "Ficar eternamente em berço explêndido" não é bom... "Lutar até a própria morte" e "Filho teu não foge luta" devem ser recomendações para aqueles que fazer algo. Mas que tem que ser feito com inteligência. Abraços a todos.

Anônimo disse...

sou policial militar e admiro a policia civil, pois se trata de nossa co-irmã,e aredito que para sanar um pouco nossas dificuldades deveriamos ser uma so policia,pois separadamente somos bons mas acredito que juntos iremos ser bem melhores no cumprimento de nossas atribuições...

Anônimo disse...

Parabéns! Belo artigo que desceve bem o momento difícil que vive a PC mineira. Praticamente fui transportado para o meu cotidiano na delegacia, triste e sem perspectiva, porém com a convicção de que do tempo de conflitos e transições surgem momentos históricos de mudanças significativas.

Anônimo disse...

Parabens pelas suas colocações.
Infelizmente alguns governantes não estão interessados em Segurança Pública, pois desde 1997 foi realizado um concurso da Polícia Civil da Bahia, fizeram vário treinamentos e cursos e até a presente data não nomearam os formandos, apesar deles estarem sempre na mídia alegando falta de pessoal no efetivo da Polícia.
Deve-se investir muito mais nos Políciais, tanto Civis como Militares e Federais.

Anônimo disse...

Belo texto plantado por um oficial PM em pele de PC, ehehehe.

Bruno disse...

Achei interessante este post sobre a Polícia Civil. O ,ao seu modo de ver, faz uma reestruturação sobre sua Polícia. Nada mais justo essa reestruturação ser feita por quem vive Polícia Civil. Acho que seria interessante também "fazer uma reestruturação na PM" e postar no blog. Entro no blog sempre que posso e acho os textos muito inteligentes. Parabéns e abraço

Anônimo disse...

Quero parabenizar o autor do artigo pela coragem e autenticidade em apresentar sem máscaras as mazelas da Polícia, e esta realidade não é diferente na Polícia Militar, com um agravante, o militarismo já não atende aos pressupostos de fazer segurança pública em um estado democrático de direito, em que o exercício da cidadania e o respeito a dignidade humana são princípios obrigatoriamente estruturadores de uma sociedade.
Resta-nos esperar que os índices de violência e criminalidade alcance níveis insuportáveis para que realmente a sociedade exija mudanças profundas em seu aparato de segurança pública.
Não dá para contemporizar, pois enquanto prestarmos serviço em uma organização que desrespeita seus recursos humanos, estaremos muito distantes de atender a sociedade em suas necessidades básicas de segurança, o militarismo é um modelo incompatível com funções tão importantes como promover, respeitar e proteger direitos, e tal constatação começa exatamente dentro da instituição.

Anônimo disse...

"Belo texto plantado por um oficial PM em pele de PC, ehehehe."

Conheço o Ricke. Não concordo com o artigo, mas o Ricke é Agepol lotado na capital.

Hebert Cruz Bala disse...

Muito bom o texto, pena que tem gente que duvida da capacidade de um POLICIAL CIVIL em descrever estas palavras.
São reais e a mais pura verdade da segurança Pública de Minas e como disse o colega anteriormente O [MILITARISMO]...
Está arcaico e ultrapassado quem sabe uma reforma nos moldes onde a dignidade da pessoa humana se sobreponha aos desmandos do Sr. "EGGO".
Saudações a todos os Policiais Militares e Civis de Minas Gerais.

Anônimo disse...

O que os policiais podem fazer para mudar isso?
Divulguem..

plsp disse...

PLSP.

FIZERÃO DE NÓS, POLÍCIA SISTEMA...!

Anônimo disse...

Gostei muito tem que ser falado a realidade mesmo,mas as vezes temos que falar o que os outros precisam ouvir.Eu estou escrevendo um filme sobre a vida de um policial civil, é claro que não vou colocar a realidade ao pé da letra.temos que exaltar a polícia para que a população tenha esperança de uma polícia eficaz e trabalhadora emprol da comunidade.

moacir.762 disse...

BELO TEXTO ,EU ERA ASIM VIBRADOR MAIS VI Q NAO ADIANTA ENTAO FODA-SE SOCIEDADE FOI ELA Q QUIS ASSIM ,AGORA TRABALHO PARA MEU AMIGOS E MINHA FAMILIA,MEXE COM MINHA FAMILIA BANDI Q VC VIRA CHURRASCOU PLANTO MESMO,VAI VIRAR ADU. DE GRAMA ,VAI PARA A VALA,GASOLINA NELES,CONFIO NA MINHA JUSTIÇA,TDOS PODEM ERRAR MAIS PERMANECER É VALA ,ONDE JA SE VIU SE GASTAR 4000,00 COM BANDIDO E UM TRABALHADOR NAO SE GASTAR NADA SOU RADICAL POR ISSO SOU PUNIDO DIRETO MAIS TBME NAO LIGO,ISSO SE REFERE TAMBEM AOS ENGRAVATADOS DELEGADOS PUXA SACOS CORRÓ E ETC.

Anônimo disse...

Gostei do de tudo ue voce falou pena que só descobri isso agora que ja estou dentro mas mesmo asim ainda acredito em melhorias na policia Civil. Quando você falou da policia da antiga eu lembrei do meu pai era delegado Hoje ja falecido mas eu lembo que ele as vezes passava o dia e a noite investigando eu achava o maximo passar a noite inteira nas ruas as vezes só passava em casa para almoçar mas Os tempos são outros e a policia tambem e Outra Me arrependi de não ter entrado no Exercito quando tive oportunidade aomenos teria um pouco de ação! e isso abraço a todos

Anônimo disse...

Pessoal, política de segurança pública do PSDB é isso aí, é só para marketing(propaganda), baixos salários, concursos ridículos para agente e escrivão(nível médio),Delegados com o pior salário do país(PCMG).
Este ano tem eleição a chance de tirar o PSDB é agora!
Depois é pressionar os deputados estaduais para aprovarem as mudanças na carreira.
Sem mobilização não haverá mudança.
Abraço!

Anônimo disse...

CONHEÇO O AGENTE RICK, LOTADO EM UMA DELEGACIA DISTRITAL DA CAPITAL. SOU CONVICTO EM DIZER QUE ELE SÓ FEZ O RETRATO DA POLICIA CIVIL, PORQUE NÃO CONSEGUIU SE ENCAIXAR EM UMA UNIDADE OPERACIONAL, E HOJE ENTREGA PAPEL PELA CAPITAL. É ISTO MESMO, ELE PASSA O DIA ENTREGANDO EXPEDIENTE NAS REPARTIÇÕES DESTA REGIÃO METROPOLITANA, E CONFORME ME RELATOU SEUS COMPANHEIROS DE DISTRITO, É DESPROVIDO DE VOCAÇÃO POLICIAL. INEGAVELMENTE, O RETRATO EXPOSTO DA POLICIA CIVIL É QUASE FIDEDIGNO, MAS ESTÁ CARREGADO DE FRUSTRAÇÃO INDIVIDUAL. FREQUENTEMENTE A IMPRENSA FALADA E ESCRITA VEM NOTICIANDO O RESULTADO DE GRANDES INVESTIGAÇÕES REALIZADAS PELA POLICIA CIVIL MINEIRA, E NO MEIO POLICIAL TEMOS VÁRIOS POLICIAIS RESPEITADOS E RENOMADOS. ESTOU CERTO QUE A POLICIA CIVIL TEM QUE MUDAR MUITO, MAS NÃO VAI SER ATRAVÉS DO DEVANEIO CARREGADO DE ÓDIO, DE UM AGENTE INEXPERIENTE, QUE SE ALAVANCARÁ A MELHORA. DESEJO QUE O AGENTE RICKE ESTUDE BASTANTE E CONSIGA ALGO MELHOR. ALGO QUE COM O QUAL SE IDENTIFIQUE. AO CONTRARIO, SE NÃO ARUMAR OUTRA PROFISSÃO, TENTE CHEGAR ATÉ UMA DELEGACIA OPERACIONAL E FAÇA AS MUDANÇAS, VIRANDO POLICIA E NAO UM ADMINISTRATIVO QUE DESFILA COM DISTINTIVO E VISUAL DUVIDOSO.

DETETIVE JR PIT BOY CPF14933389861 disse...

www.0213884188383.com

Anônimo disse...

tenho mais de vinte anos de policia civil-MG,e atesto que o texto acima é o retrato fiel da nossa amada corporação.

Anônimo disse...

Os investigadores de verdade não podem estar presos dentro das delegacias.O governo deveria se atentar a isso.

Anônimo disse...

Tenho o sonho de entrar para a Polícia Civil, pelas mesmas razões, além do tão habitual "servir e proteger". O colega está de parabéns pelo texto, precisamos de homens com coragem nas ruas, e com muita sede de justiça, precisamos tornar o país, ou pelo menos nossa cidade mais segura para nossás famílias, que ficam em casa. Não precisamos de "filhos de bancana" que querem ficar com a bunda pregada na cadeira atrás da mesa, com o salário garantido e se lixando para o mundo do lado de fora. Prefiro morrer com uma bala no peito, sangue na boca e o coração cheio de desafio, do que engordar dentro de uma delegacia, fingindo, brincando de ser policial!

O Justiceiro

Anônimo disse...

Acho q o companheiro na verdade não tem vocação para ser Policial Civil, ele somente destacou e aumentou alguns problemas da PC que realmente existem, mas q não são tão graves da forma q descreve. Não acho a unificação das Instiuições Policiais a solução; cada um na sua. Quanto ao nobre colega, sugiro que preste concurso para a PM prq na verdade vc é um PM enrustido.

Anônimo disse...

É RICKE, PARECE ATÉ QUE VOCÊ JÁ TRABALHOU NAS DEMAIS POLÍCIAS CIVIS DO BRASIL! PORQUE VOCÊ, NA VERDADE, FAZ UMA DESCRIÇÃO DO QUE OCORRE HOJE NA MAIORIA DAS POLÍCIAS JUDICIÁRIAS CIVIS BRASILEIRAS. PARECE SER UM MESMO VIRUS QUE AS CONTAMINARAM, SÓ PODE! SOU AGENTE DE POLÍCIA EM TOCANTINS E A REALIDADE AQUI NÃO É DIFERENTE DA REGISTRADA POR VOCÊ. É MUITO PARECIDA, PARA NÃO DIZER IGUAL! MAS PENSO QUE PELO MENOS UMA PARCELA DISSO PODERIA MELHORAR, CASO SE INSERISSE NO SISTEMA POLICIAL CIVIL UM CRITÉRIO DE PRODUTIVIDADE. OU SEJA, O POLICIAL TERIA UM SALÁRIO "X" BÁSICO ACRESCIDO DE UM OUTRO PERCENTUAL CASO ELE CONSEGUISSE CERTA PRODUTIVIDADE. ISSO IRIA FORÇÁ-LO TRABALHAR MAIS PARA FAZER JUS AO VALOR MÁXIMO. TAMBÉM PERCEBO QUE OS DELEGADOS DE POLÍCIA PODERIAM MUDAR MAIS UM POUCO DE POSTURA DIANTE DE UMA SITUAÇÃO DESSA, VALE DIZER, PROCURAR EXERCER UMA MELHOR COORDENAÇÃO SOBRE SEUS AGENTES. E AQUI É INTERESSANTE DIZER, COORDENAÇÃO É DIFERENTE DE ABUSOS E CONTROLES EXAGERADOS. O DELEGADO DE POLÍCIA AO MEU VER TEM QUE BUSCAR MAIS CONHECIMENTO DE "INVESTIGAÇÃO POLICIAL", E NÃO SÓ FICAR ATRELADO ÀS REGRAS PROCESSUAIS. OS ASPECTOS DE INVESTIGAÇÃO VÃO MUITO ALÉM DE CONHECIMENTO JURÍDICO. DEPENDE MUITO DE CONHECIMENTO INTERDISCIPLINAR, E MUITO MESMO! MAS ATÉ QUE AS COISAS NÃO MELHOREM VAMOS À LUTA. CONTINUEMOS FAZENDO NOSSAS INVESTIGAÇÕES. A SORTE É QUE TRABALHO NUMA DELEGACIA EM QUE O DELEGADO TEM ESSA POSTURA DESEJADA POR VOCÊ, MAS AO NOSSO REDOR NÓS TÊM VÁRIOS POLICIAIS FAZENDO CRÍTICAS DESARRAZOADAS. MAS A LUTA CONTINUA, OU ENTÃO AGENTE TERÁ QUE PROCURAR OUTRA PROFISSÃO.

Anônimo disse...

É espantoso ver que um agente de polícia, hoje investigador de polícia, resolveu todos os problemas da polícia civil, tanto administrativo quanto operacional, em um só texto. Nem parece que é o Rick que eu conheço. Um legítimo improfícuo, que nada contribui para a instituição. Adora andar pela cidade com sua bota da PM e arma ostensiva, constrangendo a população. Por falta de aptidão, ele perdeu a função de entregador de papel, deixando de ser o único office boy portador de pistola .40 e distintivo "a lá federal". Ele disse que a PM ficaria com o TCO. Já pensou, ser intimado no batalhão porque bateu em um PM de merda? Será que você reconheceria na ouvidoria de polícia todos os rolinhas de coturno que te ameaçaram durante a sua estadia no complexo militar? O imbécil se diz formado em direito, com esta visão de republicano das bananas. O Detran sairia da Polícia Civil. Em outros estados, isso foi um fracasso, com um aumento alarmante da corrupção. Isto é mais uma asneira do desprovido de vocação. Será que ele pensaria desta maneira se fosse um coordenador de alguma seção do respeitado e conceituado órgão de trânsito?

Robson Souza disse...

Um dos problemas da polícia civil, é que, 90% dos seus servidores são formados em direito. Basicamente, é a união dos policiais antigos formados nos cursos que eram ministrados uma vez por semana, com os servidores recentes, diplomados por faculdades da era "corrumaço e bololó". Não é necessário curso de direito para a polícia civil, tampouco carreira jurídica minha gente. A polícia precisa de administradores, pessoas capacitadas na coordenação profissional, gestores gabaritados e visionários. O trabalho da polícia judiciária é a investigação, e o foco indubitavelmente é a coleta e o manejo da informação (levantamentos, alimentação de banco de dados, estatística, cruzamento de informações, compartilhamento de informações etc.). Ninguém sabe trabalhar com a informação. Hoje, filma um criminoso famoso fornecendo informações e coloca-se e negocia-se com a imprensa. Precisamos de administradores.

Lúcio disse...

O texto do Agente Ricke é genérico e abrangente no tocante Brasil. Como estou na PC/RS desde 1982. Diria que já fui mais do que sou agora, principalmente porque trabalhava no interior do Estado onde em média registrava-se apenas uma ocorrencia por dia, fazia a ocorrencia o inquérito, hoje tc, e acompanhava os resultados. Os tempos mudaram, o crime cresceu geometricamente, a demanda é outra. A polícia por sua vez, fica suborninada ao Poder Executivo, com sérias limitações e a PM fazendo um papel competitivo com PM2. No interior existem afenidades da PC e PM, nas cidades grandes fazem beisinho, disputam poderes...Eu nunca perdi a fé, hoje trabalho pra burro, sou plantonista, procuro dar o melhor para o cidadão que necessita de uma ocorrencia policial, e sei que a polícia tem muito que se aperfeiçoar para dar uma resposta eficaz. Enquanto isso a segurança privada vai levando a vatia de $ que poderia estar com os policiais de verdade. Lúcio

Anônimo disse...

RICKE VC NÃO É MENINO NÃO SÔ,VC NÃO TEM SÓ DEZOITO ANOS NÃO, VC É MUITO EXPERIENTE!!!
99% DOS POLICIAS CIVIS SÓ QUE MORDER E A MAIORIA ESTA NA POLICIA SÓ PARA PODER ANDAR ARMADOS A POLICIA PARA ELES É UM "BICO" FAZEM TABELA COM DIVERSAS ATIVIDADES MUITAS DELAS ATÉ ILEGAIS...ENFIM SONHO AINDA COM UMA POLICIA MELHOR, MAIS QUALIFICADA...PARABENSSSSSSSSSS!
PELO TEXTO QUE QUERO CHAMAR DE DOCUMENTARIO.
INVESTIGADOR S

Anônimo disse...

meu étudo mentira a policia é tudo baõ cara vai trabalhar manose lga no q escreve otario

Anônimo disse...

meu nome é viviani e tenho 17 anos quero muito ser policial estou procurando algumas informaçoes é muito bom saber de tudo isso e ao mesmo tempo é muito ruim mas é meu sonho espero que quando eu esteje la as coisas tenham melhorado e essa profissao seje melhor recompençada

Anônimo disse...

Caros irmãos policiais militares e civis, boa noite!

"Ele disse que a PM ficaria com o TCO. Já pensou, ser intimado no batalhão porque bateu em um PM de merda? Será que você reconheceria na ouvidoria de polícia todos os rolinhas de coturno que te ameaçaram durante a sua estadia no complexo militar"

Observem o que este imbecil, retardado e despreparado deste anônimo 12 de outubro de 2010 08:18 escreveu em seu "post", tomei a liberdade de transcrever o que este provável bandido transvestido de policial civil "postou".

Em primeiro lugar seu LIXO,lixo sim pois alguém que ofende minha amada policia militar desta forma parra mim é simplesmente um LIXO HUMANO, NÃO TENHO NENHUMA INVEJA DE VOVÊ E DA POLICIA CIVIL. Em segundo lugar pelo seu vocabulário creio que você deve ser um BANDIDO TRANVESTIDO DE POLICIAL CIVIL, UM CORRUPTO DE M..., PEGADOR DE ARREGO E O ESCAMCAL (como muitos tiras corruptos que tem por aí na civil) e por isso lhe peço em nome da sociedade mineira que você, seu LIXO, faça um favor e PEÇA DEMISSÃO DA NOBRE POLICIA CIVIL DE MG.
Em terceiro lugar quem é você seu LIXO HUMANO, VAGABUNDO, SEU M... para incitar pessoas a agredirem POLICIAIS MILITARES, LEGITIMOS REPRESENTANTES DO ESTADO,certamente você é um criminoso infiltrado na policia civil.ALÔ CORREGEDORIA DA CIVIL TEM UM MARGINAL COM UM DISTINTIVO E UMA ARMA DO ESTADO RODANDO POR AÍ TOMEM PROVIDENCIAS JÁ!!!

No mais nobres irmãos da civil, irmãos sim pois todos nós militares ou civis somos policiais, e por isso estamos no mesmo barco; deixo bem claro que sou CONTRA A UNIFICAÇÃO DAS POLICIAS, "cada um no seu quadrado" a PM na policia ostensiva e a PC na policia judiciária, não devemos dar ouvidos a babacas como esse anônimo aí. Sou contra a carreira jurídica para oficiais da PM, porém essa idéia do TCO muito auxiliaria a PC, pois seus investigadores ficariam totalmente liberados para fazer seu serviço que é INVESTIGAR CRIMES.

Deixo bem claro que admiro muito a competência da policia civil e da maioria de seus servidores, profissionais sérios, dedicados e apaixonados pela profissão policial como o nobre investigador Ricke, que querem melhorias para sua instituição e para segurança pública como um todo. E desde já vos peço desculpas caso tenha sido descortês em alguma ou infeliz em alguma parte de meu "post", porém BANDIDOS TRANSVESTIDOS DE POLICIAIS como esse anônimo supra mencionado me fazem perder a cabeça, então mais uma vez vos peço desculpas!

Um fraternal abraço a todos policiais civis e militares que trabalham e prol da sociedade mineira!!!

Soldado PMMG
ORGULHOSO DE SER UM POLICIAL MILITAR

GUSTAVO RIOS disse...

O retrato da polícia civil, descrito pelo colega policial Ricke, está regado de verdades, infelizmente. O Brasil não possui um modelo policial adequado, principalmente para uma país que deseja tornar-se uma potência mundial, fortificando a sua economia e condições de vida para a população. É inegável que, a existência de uma polícia militarizada já não faz parte de uma democracia. Precisa-se dotar o Estado, de uma instituição policial mais atuante e próxima da população e justiça. A existência de delegacias de polícia, com a designação de promotores para o acompanhamento das atividades, melhoraria e muito, o processo policial. Não que os promotores fossem mandar na polícia, como já os fazem, mas sim, atuariam como fiscais e acusadores, dentro das unidades. Dividiria as policias em preventiva (uniformizada) e de investigação (detetives). Não seria necessário delegados. Aliás, pra que servem os delegados? Nem merece abordar a carreira jurídica dos delegados? O que existe hoje, é a seguinte situação. O número de policiais militares são, sem dúvida, muito, muito, muito superior aos de policias civis. Cabe ao militar, atender chamados e patrulhar a cidade. Cabe ao policial civil, receber a ocorrência, identificar o conduzido, levar no IML, transferir o conduzido, investigar crimes e levantar a "vita anteacta" dos envolvidos e etc. Enquanto o trabalho de um policial militar termina com a entrega de uma ocorrência mal redigida e regada de derespeitos e abuso de "pseudo-autoridade", a labuta de um investigador está apenas no ínício. Tudo bem, vamos lá. Após todos estes procedimentos narrados, o juiz intima o policial civil no fórum, onde os PMs também estão. Chegando lá, eles ficam se questionando: "Quem é esse policial civil? Ele não estava no dia da ocorrência. Não, destemidos policiais militares, o policial civil não estava no dia da ocorrência, ele apenas ficou incumbido de deslindar toda aquela merda que vocês deixaram na delegacia. É o levantamento da vida pregressa que manda a lei, e, a justiça apoiará no relatório circunstanciado por ele elaborado, no julgamento. Por isso, fiquem atentos, pois a polícia civil hoje tem pessoas capacitadas e honestas, que não omitem nenhuma informação, doa a quem doer. Tudo que for levantado, vai pro relatório.
Entrar na favela, em bandos e quebrar a casa do pobre (no sentido literal), espancando-o todo e também a sua família, sem falar nos saques, isto já tem prazo de validade, e já exauriu.

Anônimo disse...

Soldado PMMG
ORGULHOSO DE SER UM POLICIAL MILITAR

Certo delegado disse uma vez a seguinte frase: A farda modela o corpo e atrofia a mente. Foi uma frase infeliz, pois a polícia militar ficou demasiadamente ofendida, porém, desprovida de razão. Acredito veemente que o infeliz delegado não queria referir à polícia militar, por uma simples e notória razão. A POLÍCIA MILITAR NÃO USA FARDA, E SIM, UNIFORME. Quem usa farda são as forças miliares, ou seja, o exército, a marinha e a aeronaútica. Tudo bem, que a polícia militar é um exército particular do governador, devido ao tamanho de seu contingente, mas usa uniforme como todo e qualquer segurança. Agora sim, UNIFORME PODE ATÉ MODELAR O CORPO ÀS VEZES, MAS, SEM EXCESSÃO, ATROFIA O CÉREBRO.

Anônimo disse...

Caros irmãos policiais MILITARES e civis, boa noite!

Não entendo o ódio de vocês, pseudo policiais civis, pela nobre policia militar. Certamente caro anônimo 12 de JANEIRO DE 2011 05:55 o delegado mencionado em seu "post" foi demasiadamente infeliz no comentário, porém você me surpreendeu. Digo-vos que POLICIAIS MILITARES USAM FARDA, EU USO FARDA, NÃO UM MERO UNIFORME, COMO UM SEGURANÇA DE BANCO. Deixo bem claro que eu sou POLICIAL MILITAR, observe MILITAR, FARDADO e não uniformizado.

Tenho certeza que o senhor e outros bandidos transvertidos de policiais civis como vossa senhoria, não sabem o que é usar uma farda da briosa PMMG, pois para usar uma, o cidadão tem que ser homem de verdade. Digo-vos que meu pai dedicou 30 anos de sua vida a PMMG, 30 anos, trabalhando em um destacamento, do interior de MG, representando o Estado e realmente servindo a sociedade com honra e CARATER, coisa que gente como você não sabe o que significa.

Tenho apenas 05 anos de PM, porém já passei cada coisa que você não faz idéia aqui onde sirvo, arriscando com prazer a minha vida para realmente a cada dia honrar a FARDA que veste meu corpo e minha alma, você sabe o que é isso? Tenho absoluta certeza que você e esse delegado não sabem.

As policiais militares são forças auxiliares e reserva do exercito brasileiro, e ao contrario da policia civil, tem como pilares a HIERARQUIA E A DISCIPLINA. Não sou eu quem digo isso É A PRÓPRIA LEI QUEM DIZ, procure saber!!!

E ao caro anônimo 12 JANEIRO 2011 04:54, eu acho que você não devia "jogar pedra no telhado dos outros sendo que o seu é de vidro". Eu acho que ao invés de ficar falando M... da PM você deveria se preocupar nos acordos que policiais civis corruptos fazem com marginais para que a prisão em flagrante da nobre PM não seja ratificada e que dessa forma o marginal, após pagar uma propina ao pessoal do plantão da delegacia possa sair pela porta da frente, pronto prara cometer mais crimes contra a sociedade, inclusive os pobres e suas famílias; ASSIM GANHA O DELEGADO , O INVESTIGADOR DE PLANTÃO, O ESCRIVÃO E PERDE TODA SOCIEDADE COM SUA CORRUPÇÃO... POR ISSO EU DIGO QUE EM MATÉRIA DE CORRUPÇÃO FELIZMENTE MINHA AMADA CORPORAÇÃO E FICHINHA PERTO DE BANDIDOS PROFISSIONAIS COMO ALGUNS DE VOCES. E FALO ISSO PORQUE JÁ VI ISSO ACONTECENDO INUMERAS VEZES DENTRO DE DELEGACIAS DA POLICIA CIVIL.

No mais peço desculpas a policiais civis de verdade, que vestem a camisa, como o nobre investigador de policia Ricke e outros servidores policiais de sua instituição pelo meu desabafo, pois para mim já chega de ouvir gente, digo marginais travestidos de policiais civis, criminosos dessa laia, ofendendo minha amada corporação, AO CONTRÁRIO DESSES IMBECIS NÃO TENHO NADA CONTRA A PC, PORÉM NÃO VOU ACEITAR QUE ESSES BANDIDOS OFENDAM MINHA BICENTENÁRIA CORPORAÇÃO DE TIRADENTES. No mais vos peço desculpas do fundo do meu coração de policial militar, aos heróicos policiais civis que não sucumbem a corrupção e vos falo que admiro muito o seu valoroso trabalho de investigação, produção de provas e elaboração de inquéritos policiais, para manter os criminosos em seu devido lugar, atrás das grades.

Um fraternal abraço a todos policiais civis e militares que trabalham em prol da sociedade mineira!!!

Soldado PMMG
ORGULHOSO DE SER UM POLICIAL MILITAR

E MILITAR FARDADO DE CORPO E ALMA

Anônimo disse...

Caro anônimo 12 JANEIRO 2011 04:54, boa noite!

Outra coisa, já que para vossa bandidagem, me desculpem mas para tratar vagabundos transvertidos de policiais civis creio que deve ser a forma de tratamento mais adequada a ser utilizada por minha humilde pessoa de cérebro atrofiado, o reds da nobre policia militar é mal redigido e com vários erros de "pseudo autoridade" creio que vossa ignorância deva rever seu conceito de autoridade, aliás neste blog tem um "post" na parte de "artigos, opiniões e reflexões" sobre o "policial militar e sua autoridade" onde vossa babaquice poderá encontrar um conceito interessante sobre ser ou não ser autoridade; o que me leva a crer que os investigadores da policia civil são tão autoridade quanto um soldado da policia militar, até porque a única autoridade de policia realmente amparada no código de processo penal é o delegado de policia e não os investigadores e escrivães que em início de carreira ganham como soldados da PM e não são mais autoridade que nenhum policial militar de nenhum posto ou graduação.

Novamente vos peço desculpas caso tenha ofendido algum policial civil honesto e honrado que realmente investiga e soluciona crimes, porém esses marginais que se infiltraram em vosso meio me fazem perder a cabeça. Mais uma vez me perdoem e deixo novamente meus votos de mais elevada estima aos verdadeiros policiais civis que não ficam por ai falando asneiras em blogs de policiais militares.

Um fraternal abraço a todos policiais civis e militares que trabalham em prol da sociedade mineira!!!

Soldado PMMG
ORGULHOSO DE SER UM POLICIAL MILITAR
E COMPROMETIDO COM A SEGURANÇA PÚBLICA DE MINAS GERAIS

Anônimo disse...

Aos que não sabem o significado de vestir um farda da PMMG

“A farda não é uma veste que se despe facilmente, mas sim uma segunda pele que adere à própria alma, irreversivelmente.”

PM indignado

Anônimo disse...

"Por que não é preciso usar uma farda para ser heroi, mas tem que ser heroi para usar essa farda"

PM indignado

Anônimo disse...

PREP MARÉ
Belo texto, pena que só fica no ideal.A realidade é diferente.Não somos respeitados como deveríamos, pois almofadinhas que ficam sentados atrás das mesas fazendo não sei o quê, nos julgam e vivem inventando metas apenas para satisfazer o seu ego político, esquecendo que os verdadeiros heróis da sociedade são os que estão próximos do povo, atentos para as suas nescessidades. Fora com muxibas que só pensam nas metas, e esquecem de ser policiais de verdade, esperando um mísera recompensa que não paga um sacrifício do ano inteiro. Esta Mudança está por conta das novas gerações.

Gabriela Perdigão disse...

Na verdade existe sim aqueles detetives que vc esta falando mais isso é só nos EUA sem brincadeira,mu sonho é ser policia civil dos EUA tipo no LAW N ORDER eu sei que vcs devem estar pensando: isso não existe e bla bla bla mais realmente nos EUA existe...

Anônimo disse...

Eu também acreditava numa Polícia investigativa que poderia atribuir ao profissional Detetive a função de investigar os fatos criminosos,colher provas e materialidade indispensáveis à lavratura de um IP bem elaborado e eficaz. Enganei completamente quando em 2005 tentei ajudar ao Delegado me propondo a trabalhar no Cartório para dar saída em vários procedimentos que corriam risco de prescrição dentro da DP. Recebi 550 ocorrências para lavrar TCO, fiz mais de 500 TCOs, agendei e protocolizei no Forum. Adoeci, tive de afastar algumas vezes para tratar da saúde e chegando até ser internado numa clinica psiquiatrica por 10 dias. Sabem o que aconteceu? - fui punido e descontaram 5 dias no meu pagamento.
Hoje estou aguardando aposentadoria e sinto doer na pele que o recurso humano de nossa polícia ainda continua o de pisar no pescoço dos sofridos Agentes. Mas Deus é MAIOR.

Hagek disse...

Excelentes idéias, meu TCC na fauculdade foi justamente sobre Identidade e Identificação na Perícia, em especial a criminal. Falando em AFIS, a realidade brasileira é triste em relação a isso. Pelo que eu pude perceber a policia civil do RS foi uma das primeiras a adquirir AFIS e recebeu por doação da PF no final de 2009, considerando que a data-base é de crimes federais, a polícia civil vai levar pelo menos uns 10 anos para desenvolver uma data-base de crimes comuns e o AFIS não vai ser deficitário até meados de 2020, tecnologia que já estava disponivel desde o 1990. Estamos pelo menos 30 anos atrás em nossas polícias civis. Até 2003 dava pra ter 27 documentos no BR. 27 certidões de nascimento, 27 RGS e CPS, 27 carteiras de motorista... 27 passaportes! um em cada UF e um no DF, muito bonito, hein. Não bastasse tudo isso pra facilitar a atividade policial os políticos continuam preocupados com burocracia, provavelmente porque se se preocuparem em uma policia organizada e funcional, investigativa e operacional eles vão se dar mal lá em Brasilia com os mensalões e as maracutaias.

Lucas Hagel
Bel em Direito
Asp of Engenharia C.P.O.R./P.A. T2003

Anônimo disse...

Olá Ricke, lendo o artigo publicado no blog só tenho a elogiá-lo. Nossa Polícia hoje está sucateada. Há desvios de função um atrás do outro. Primeiro eram os Detetives os profissionais que levantavam local de crimes para sua perfeita apuração. Hoje mudaram o nome do Detetive para Agente de Polícia,com o mesmo salário e os promoveram a Agentes de Cartórios, nada mais.

Anônimo disse...

o meu avô entrou na policia em 1959, meu pai em 1982 e eu em 2001, sao 3 geraçoes na policia, detesto quem fala mau da policia, mas infelismente devo concordar com esse cara!!!

Anônimo disse...

Por Favor, você andou vendo filmes demais...seriados, ou coisas do Genero...
e Outra coisa, já que você deve ser um policial novo..O que te faz Policial, não é só o que está escrito em sua Identidade Funcional, o simbolo de seu distintivo, ou o calibre restrito de sua arma...O que realmente te faz um Policial, é seu modo de pensar, agir, observar as coisas ao seu redor...um Investigador, ouve mais do que fala (então não fique se lamuriando). E em relação a cartório, REALMENTE você acha que é como nos filmes? prendeu e pronto? acha que é só prender bandido? Tem que ter fundamentação p'ra manter o vagabundo preso, ou então tu prende ele , em uma semana ele tá solto rindo da sua cara (pense nisso!!!)

Raville disse...

Boa Noite, Tenho 18 anos e com o sonho de entrar para a PC.
A busca de mais informações sobre a Civil acabei achando este artigo, li e fiquei um pouco triste com essa 'realidade' da Civil.. Mais enfim busco informações de como entrar na Policia Civil se algum de vocês poderem me ajudar eu fico grato . Por e-mail msm: ohrah@hotmail.com

Agradeço e desejo a todos sucesso.

Anônimo disse...

Sou PM com muita honra, gosto da minha profissão, mas me decepciono com tantos colegas que parecem estar dominados por um complexo de inferioridade, achando que o serviço de guarda e policiamento ostensivo é algo menor e inferior ao serviço policial investigativo. São colegas de caserna que, verdade seja dita, deveriam deixar a corporação bicentenária e partir para a carreira de policial civil ou federal, locais onde por lei e pela Constituição, deveriam se concentrar exclusivamente as investigações policiais. Chega a ser até vergonhoso colegas de farda desejarem com argumentos mais que duvidosos elaborarem TCOs e realizarem flagrantes de crimes comuns, como é o caso de homicídios praticados por militares contra civis. Acho que "cada macaco deve permanecer em seu galho". De minha parte, tenho excelentes amizades com policiais civis e não os troco por muitos militares que parecem viver em um ninho de cobras, com medo, com inveja e com ódio de tudo e de todos. O ambiente nos quartéis muitas das vezes são maliciosos e perigosos. Aquele em quem você confia pode ser amanhã o seu principal algoz. Tenho uma visão da Polícia Civil como uma instituição mais democrática e preparada para oferecer um melhor atendimento ao cidadão de bem. O texto que originou todos os nossos comentários parece originário de uma alma infeliz, magoada, cheia de frustrações pessoais, existênciais, sociais, profissionais e até espirituais. Essa "criança" que escreveu esse "recheio de abobrinhas", infantis e tolas como ele mesmo, precisa urgentemente amadurecer, ouvir com mais atenção seus pares com maior experiência e tempo de serviço policial, buscar ganhar know How em trabalhos operacionais, e depois disso, com certeza, estará credenciado a abrir a boca sem correr o risco de fazer ridículo. Cresça e amadureça, tenra criança.

Anônimo disse...

Policial Ricke P. H. Gonçalves;

Parabéns, você conseguiu ganhar o trófeu "Bobalhão da Segurança Pública de Minas Gerais". Nunca vi tantas tolices juntas em um mesmo texto. Quantos dias você demorou para cagar esse tanto de bobagens? Você é policial mesmo? Cara, estou perplexo com sua falta de maturidade. De que planeta você veio, meu? Olha, você pode até ser mesmo policial, mas tem muito ainda que aprender: Seja humilde, ouça mais do que fala, esforce-se para disciplinar sua tagarelice e posturas incompatíveis com um homem de polícia, com sabedoria, com altivez, e espere as coisas acontecerem a seu tempo, e quem sabe assim você não será mais feliz em suas manifestações. Por hora, mandou mal, muito mal, mas você deve ser muito jovem, e com isso tem ainda tempo para aprender.

Anônimo disse...

Caros colegas,
Primeiram. quero dizer q. fiz a opção de postagem anônima, não por covardia, mas pelo fato de existir a possibilid. de, alguma forma, ser prejudicado por parte dos meus superiores q. são os verdadeiros covardes. Quero dizer tb q. não conheço o policial "Ricke", por isso, não posso falar a respeito da sua pessoa. Que respeito todas as opiniões dos colegas q. foram postadas e q. li todas elas. Quando entrei na polícia há 13 anos atrás, tinha uma visão imaginária de como ela era; c/ o passar dos anos, percebi q. minha visão estava totalm. errada. Hoje percebo q. existem dois tipos de policiais: o policial nato e profissional q., apesar de todas as barreiras q. encontra p/ o desempenho de sua função, ainda trabalha com dedicação e ao final do seu expediente, volta p/ casa cançado, porém, de cabeça erguida, c/ o sentimento do dever cumprido e q. acredita na sua intuição; seja a PM ou a PC; e tem aquele policial q. não passa de um simples servidor público q. está na policia só p/ receber seu salário; q. "escama" os colegas na hr de realizar uma dilig., principalm. quando ela é de alto risco. Eu percebo q. os bons policiais estão desanimados em trabalhar; não por não gosterem do fazem e sim, por perceberem q. a polícia (PM ou PC) está cada vez mais tendo a interferencia de políticos. Não p/ resolverem os problemas da polícia e sim, p/ justamente fazer c/ q. cada vez mais a poícia perca o seu poder. Esse, ao meu ver, é o grande problema q. aflige o sistema policial. A polícia tem q. ser uma instituição q. naõ deve sofrer nenhuma interferencia por parte de políticos. Contudo, não é o q. vemos. Afinal de contas, como disse um colega em sua postagem, a polícia deveria investigar quem está na ponta da pirâmide, e não os chamados "peixes pequenos". Por que isso não ocorre? Confesso q. atualm., c/ tudo q. vejo, estou ficando desanimado e com extremo medo de deixar de ser um policial operacional p/ se tornar um um simples servidor público pois, todos os dias escuto de um colega, seja PM ou PC, q. está desanimado e s/ nenhum estímulo p/ trabalhar. Isso é muito perigoso, caros colegas, já não são muitos os colegas q. são policiais de verdade; imaginem se todos resolverem se tornar meros servidores públicos; o q. será da nossa sociedade. Pode ser q. alguém diga: q. se dana a sociedade! Porém, não devemos esquecer q. tanto nós como nossos familiares, colegas e amigos, fazem parte da sociedade; e o q. será dela s/ a atuação dos bons policiais? Acho q. p/ tudo existe uma saída. Cabe a nós mesmos tentarmos achar uma solução p/ tal problema. Obrigado pela atenção dada a leitura do meu texto e desejo a todos os colegas policiais (PM e PC)a proteção do nosso Deus p/ q. possamos voltar p/nossos lares em paz após mais um dia de trabalho! Fiquem c/ Deus!!!

Anônimo disse...

POLICIA CIVIL DA BAHIA, policiais civis sem documento de identificação digna (sem CPF), distintivo que pode ser comprado por correspondência vista na Internet, delegado de policia com direito a viatura do Estado/Combustível/Motorista Policial a sua disposição (PGE proíbe/conforme SINDPOC)este é o quadro de uma Instituição falida, Comissários/Detetives/Inspetores nivelados por baixo a Investigador de Policia,aposentadoria de policiais em desigualdade com orientação e entendimento, ferindo princípios da segurança jurídica da Carta Magna de 1988, e por ai vai, não se respeita hierarquia entre policiais,Lei Orgânica não é regulamentada, concursados de 1997 fora do prazo são nomeados, CONSTITUIÇÃO FEDERAL violentada com mero parecer, é assim que esta Instituição se encontra, policiais desmotivados com os péssimos salários, já que querem uma nomenclatura por que não estabelecer a de DETETIVE DE POLICIA.

Anônimo disse...

Cara, sem palavras. Você realmente descreveu a PCMG do Ínicio ao Fim! Abraços.

Anônimo disse...

Sou vigilante patrimonial,e trabalho atualmente em uma agência bancaria,sou admiradora da PM,civil,Federal,Ambiental,Bombeiro;enfim todos aqueles que deixam seus lares,para exercer com dignidade sua profissão,queria deixar claro ao Sr que comentou sobre vigilante,que sou vigilante ,tenho faculdade,e trabalho de segunda a sexta cumprindo uma carga horaria de 9 hrs por dia,infelizmente não consegui minha alforria atempo de prestar concurso pra PM,instituição a qual adimiro muito,agora estou me preparando pra prestar concurso para a Civil,não sei o que se passa ai Rick,pois aqui no interior de SP,na minha cidade e em Araçatuba,e região os Civis vem atuando com muita presteza,não deixando nada a desejar,quero parabenizar o soldado PMMG pelas belas palavras,defendendo a militar,e a civil,sabemos que em ambas corporações existem o JOIO E O TRIGO,porém nao devemos generalizar.É tempo de PAZ.

Anônimo disse...

Sou militar da reservar, trabalhei com muito orgulho na PMMG, e agradeço a DEUS por tudo que aprendi durante essa longa batalha. Sei do respeito que as pessoas tem pelas instituições” POLICIAL CIVIL E MILITAR”. Cara deixa de ser "comedia" se você conseguir bater em um policia militar,e ir até uma unidade da PM, pode saber que você estava pulando carnaval ou dormindo, pare de fantasiar e vai dormir que e melhor frustrado, se isso algum dia vier a ocorrer “DUVIDO QUE TENHA CORRAGEM” vç será imobilizado caso de resistência e conduzido até um hospital e em seguida DELEGACIA DE POLÌCIA CIVIL .Eu desconsidero o caros irmãos quando for postar algo pense antes, para não ficar escrevendo besteira.
Anônimo disse...
Caros irmãos policiais militares e civis, boa noite!
"Ele disse que a PM ficaria com o TCO. Já pensou, ser intimado no batalhão porque bateu em um PM de merda? Será que você reconheceria na ouvidoria de polícia todos os rolinhas de coturno que te ameaçaram durante a sua estadia no complexo militar"

Anônimo disse...

Na verdade tudo esta uma porcaria só! Os policiais das delegacias não estão nem ai pros problemas dos outros, só querem saber do que acontecem com sua família e pronto. Hoje você chama a policia militar para uma ocorrência de furto por exemplo e eles te tratam com a maior mal vontade do mundo. Demoram pra chegar e quando chegam nem perguntam mais para onde foi o vagabundo. Só fazem uma ocorrência fulera e rápida e partem pra outra. Na delegacia os policiais se acham melhor que tudo e nem atenção te dão direito. Vivemos um drama geral e isso colabora para o aumento da violencia que num futuro proximo os proprios policias também vão sofre em todo pais.

bruno moura disse...

parabens...opiniao formal!!!a mais pura realidade dita,um texto como este merecia ser colocado a tona na mídia para que desta forma talvez as autoridades competentes se sentiam impotentes com a falencia da policia civil!!!mais uma vez parabens...

bruno moura disse...

RICKE PARABENS!!!A MAIS PURA REALIDAEDE DITA DA FALENCIA DA POLICIA CIVIL...MAS NAO SE DESANIME,POIS TENHO CERTESA QUE VC BATE A CABEÇA NO TRAVESSEIRO E SABE QUE TENTOU FAZWR A TUA PARTE NAQUELE DIA DE TRABALHO!!!VERGONHA É PARA OS ORGAOS COMPETENTES (QUE SAO INCOMPETENTES)QUE DEIXOU A COISA NESTE PONTO!!!

Anônimo disse...

gostaria muito de ser umade vcs mais eimpossivel

Anônimo disse...

Parabens amei o texto, me deu mais vontade ainda de entra pra policia ....

Henrique disse...

Cara muito bom seu texto, meuito bem elaborado e muito visionista...

Eu acredito que o problema na Polícia mesmo se chama concurso público. Acredito que certas profissões o ingresso se deva por livre vontade do ingressante, como os casos de Políciais e Bombeiros. Normalmente este tipo de profissão é aquela voltado pra quem tem o perfil e postura e não para aquele engomadinho que passou anos estudo Direito e passou no 1º concurso público que prestou só para ganhar bem e ter uma vida estável. Tem que haver paixão pelo que faz e identificação pelo serviço.

Eu acredito que o ingresso para a polícia deve ser feito através de seleções diferentes, como provas físicas e psicológicas, além de uma entrevista para saber se o candidato tem mesmo um perfil desejado. Além disso, tem que haver promoções de carreira, por exemplo um policial começa como agente e sobe de profissão até se tornar delegado, e o poder público deveria investir na capacitação desse agente (curso superior) para ele se tornar delegado.

Mas enquanto isto não acontecer teremos que nos abster com engomadinhos que prestaram concurso público e se tornaram servidores públicos, e não políciais.

Anônimo disse...

O SEU ARTIGO DEMOSTRA A REALIDADE QUE E HOJE EM DIA A POLICIA,NÃO APENAS A FEDERAL MAIS TODAS EM GERAL.....EU SEMPRE SONHEI EM PODER MUDAR O MUNDO DE UMA MANEIRA HONESTA.NA MINHA CABEÇA A PESSOA QUE FAZ UM JURAMENTO E VESTE A FARDA DE POLICIAL DEVERIA NO MINIMO HONRAR O QUE FAZ,NÃO APENAS PELO JURAMENTO MAIS SIM PELO SEU CARÁCTER...MUITAS VEZES O QUE OCORRE COM A FAMA DAS POLÍCIAS E DEVIDO A SOMENTE UM INDIVIDUO QUE ALEM DE NÃO FAZER O QUE DEVE LEVA O NOME DOS OUTROS PRA LAMA

sergio disse...

adorei seu comentários, vc acha que ainda vale apenas entra na pc, estou com 40 anos?

sergio disse...

adorei seu comentários, vc acha que ainda vale apenas entra na pc, estou com 40 anos?

Anônimo disse...

Nossa! como nao concordar com este colega, sinceramente quanto a abordagem, apenas os chefes e superiores manteem se com os olhos cerrcdos. Fico imaginando cada vez mais o quanto a Policia Civil Mineira vitriliza cada vez mais a hipocrisia, trabalho a mais de dez anos nesta instituiçao, e nao vejo nada mais que vaidade Aelegados, os crimes sao apurados de acordo com o escandalos. Assedios, desmandos, incoerencia, ei, tem Delegado que se o investigador sugerir alguma coisa na comunicacao ele engaveta. Montes claros esta cheia destes, observem, a PC nao conseguiu bater a meta de apuraçao de homicidios, o trafio tomou conta Delegados Regional, aposentando, esquentando cadeira, apenas perseguindo funcionarios, quando isso vai acabar, ou sera caso contrario, a policia obsoleta de pessoas capazes, sensatas, vai acabando. hoje, preoculpo me mais com a perseguiçao da administraçao que propriamente com bandidos ou com o exercicio da funcao, a melhor palavra que define chama se desgosto, perdi a fé.

Anônimo disse...

Sou PM da PMMG, da reserva, assim como esse DETETIVE, tanto na PM como na PC temos em boa quantidade nestas Instituições. è uma pena um profissional de sua estirpe e inteligência estar pretendendo nos deixar, devido aos baixos salários, devido ao descaso em torno de nós profissionais de Segurança pública. Você disse TUDO. Parabéns pelo respeito que você tem a nossa PC e a nossa PMMG, pois você a tudo narra sem apresentar REVANCHISMO ou qualquer tipo de ódio ou rancor. Você pelo que analisei só pode ser um BAITA DE UM PROFISSIONAL. PARABÉNS!

Anônimo disse...

Este comentário é feito por um policial "miojo" formado em apenas 03 meses, a instituição Polícia Cilvil esta no fim, o pior cego é aquele que não quer enxergar, Em pouco a pouco a médio praso a Gloriosa Polícia Militar assumirá toda as funções basta um bom "lobe" e ai a Polícia será mais valorizada.

Anônimo disse...

Depois de um excelente texto que nos foi patrocinado pelo amigo "Ricke" nos vemos diante de pontuações descabidas sem o mínimo de senso por parte de alguns colegas quer sejam Policiais Civis ou Militares demonstrando assim a necessidade de maturidade funcional das partes. Ricke parabéns por um texto tão rico e tenha a certeza que não demorará para grande parte do que foi dito se tornar realidade. Saudações!

Kiko disse...

Concordo plenamente. Sou Sargento da PMMG e adoraria ver um sistema assim como você falou. Sou um descepcionado com o sistema também. Um policial frustrado. Mas ainda trabalho na rua. Trabalho na RP Básica (PAC ou PB). Ainda tento dar o melhor de mim na rua, mas sei que as coisas poderiam ser bem melhores para nós policiais. Enquando isto, vou aí fazendo a minha parte e deixando o resto nas mãos de Deus. Parabéns pelo texto. Concordo com todas as palavras. Assino em baixo. Vou parar por aqui, porque, se eu continuar, meu comentário vai ser maior do que o seu artigo. UM ABRAÇO
3º SARGENTO KILDER DO 16ºBPM. MINAS GERAIS.BH.

Flavio disse...

ABRAÇOS AO SGT Kilder, policial que não tem medo de expressar sua opinião. Concordo plenamente com tudo que o agente da Polícia civil escreveu.
Entrei para a reserva a pouco tempo oque quer dizer que trabalhei 30 anos neste sistema Ultrapassado e que desmotiva tanto os PMs quanto os agentes da polícia civil.
Abraços a todos

Flavio Ferraz 2º SGT PM Da Reserva

Anônimo disse...

Sinceramente eu espera q a POLICIA CIVIL fosse uma policia investigadora , mas vejo q nao , mas era pra ser !

Unknown disse...

Realmente muito triste saber que é assim que funciona a polícia civil, tomara que mude essa péssima realidade.

BLOG DO ESCRIVÃO DE POLÍCIA disse...

Caros colegas Civis e Militares, o texto do Ricke é um pouco exagerado. Sou Escrivão de Polícia no Estado do Pará, aqui a nossa PC tb não é das melhores, mas também não é das piores, pois a exigência para a admissão é o nível superior e os salários chegam a R$ 4,300 em início de carreira. Vejo aqui o que o Ricke comentou acerca de de se ter na PC verdadeiros POLICIAIS o que temos, ter-se meros servidores públicos que apenas cumprem seu horário de expediente, o que temos também. Quanto se ter verdadeiros policiais que tem em suas veias correndo o sangue de POLÍCIA de fato. A Policia Civil tem o seu papel constitucional que é o de investigar. Sabemos também que não existe uma PC 100% e nenhum lugar deste planeta, nem nos EUA, na Europa, se verificadas a fundo, estas instituições policiais tb tem lá seus problemas. O nosso país é um país que entrou a pouco tempo num processo de desenvolvimento social e econômico, e para que ocorram melhorias em nosso sostema de segurança pública é necessário antes de tudo selecionar o verdadeiro POLICIAL de vocação, ao invés daquele que busca apenas um emprego estável na administração pública. Dai para a frente vem a questão da exigência da escolaridade, salários e daí por diante. Mas quero tb deixar bem claro que CORRUPTOS EXISTEM TANTO NA PM QTO NA PC! Senhores, quase todos os dias os noticiários mostram Juizes, Promotores e até Policias Federais corruptos, se lá se sofre de tal mal, imaginem nas polícias estaduais, mas assim como também existem os verdadeiros POLICIAIS, QUE MESMO COM TODAS AS DIFICULDADES fazem aquilo que lhes é inerente e se comprometeram a fazer quando doingresso na carreira policial: COMBATER O CRIME E A CRIMINALIDADE. Sou contra a falta de resprito contra os Policiais Militares que honram as suas Fardas/Uniformes como também contra as ofensas proferidas aos meus co-irmãos Policiais Civis que honram seus Distintivos. Ricke faça a sua parte meu caro colega, desta forma vc será um espelho para o policial que ingressará amanhã... Lembre-se que nada se resolve da noite para o dia, estamos diante de um processo de transformação que exige tempo para se concretizar... Um Forte Abraço.

gsaugen disse...

O policial civil honesto é um tolo ou corajoso porque: 1°) quando sai de casa para o trabalho, deve olhar para todos os lados, para ver ser não está sendo alvo; 2°) sendo honesto, fica no dilema entre denunciar seu colega desonesto, passando a ser alvo, ou denunciar, e ser taxado de mau colega; 3°) coloca-se todo dia como alvo em troca de uma merreca de salário; 4°) ter de aurar a prepotência do delegado-chefe; 5°) após 30 anos de atividade policial, raramente será uma pessoa equilibrada e normal na sua aposentadoria.

Unknown disse...

Se eu fosse o Presidente da Republica eu nomearia quem teve essas ideias BRILHANTES como Ministro da Justiça Ñ o conheço Li por acaso esse Artigo Ñ sou policial e confesso q fiquei boquiaberto com tamanha sabedoria, Porque?? mim pergunto, Ñ se aproveita essas ideias com certeza melhoraria muito e olha q eu ñ sou nenhum especialista em segurança.

Unknown disse...

Se eu fosse o Presidente da Republica eu nomearia quem teve essas ideias BRILHANTES como Ministro da Justiça Ñ o conheço Li por acaso esse Artigo Ñ sou policial e confesso q fiquei boquiaberto com tamanha sabedoria, Porque?? mim pergunto, Ñ se aproveita essas ideias com certeza melhoraria muito e olha q eu ñ sou nenhum especialista em segurança.

Anônimo disse...

A ONU já disse em relatório oficial, que o exaurimento do modelo policial militar no Brasil, deve ocorrer. isto é fundamental para que o nosso país conquiste assento definitivo na ONU e a posição de destaque que merece.
Vamos evoluir.

Anônimo disse...

quero entrar mais estou com medo

Anônimo disse...

Ai que bommmm!! Agora fiquei mais animada para prestar o concurso PCDF 2013!! Eu tinha muito medo de ter que ficar nas ruas trocando tiro com bandido, e de acordo com o texto, isso não "nos" pertence mais!! Obaaaa!! Sou uma aspirante ao cargo!! Já comecei a estudar, Direito penal, Processual penal, Leis extravagantes.... :)

Anônimo disse...

Acho que você está vendo muito seriado americano.

[]'s

Anônimo disse...

vejo aqui um monte de comentarista de merda ...quase todos supõe entender de polícia.... justiça e tal..mas 99% demonstra nas respostas apenas intuição SUPERFICIAL e um pouco de boa vontade e nada mais...CAMBADA DE JUMENTOS!!!

pra INÍCIO DE CONVERSA É PRECISO ENTENDER O QUE MONTESQUIEU DISSE EM 1748 NA SUA CELEBRE OBRA O ESPÍRITO DAS LEIS!!!! NÃO SE MISTURA EXECUTIVO COM JUSTIÇA!!!

POLÍCIA JUDICIÁRIA NÃO PODE ESTAR SUBMISSA AO PODER EXECUTIVO!!
POLÍCIA JUDICIÁRIA NÃO PODE ESTAR SUBMISSA AO PODER EXECUTIVO!!
POLÍCIA JUDICIÁRIA NÃO PODE ESTAR SUBMISSA AO PODER EXECUTIVO!! O MUNDO INTEIRO SABE DISSO!!

SÓ O BRASIL..POR SER CONSIDERADO O PAÍS DA CORRUPÇÃO ENTENDE O OPOSTO


POR QUE SERÁ QUE AS POLÍCIAS CIVIS SÃO TÃO ESCULHAMBADAS...TÃO DESMORALIZADAS...TÃO CORRUPTAS????

POR QUE SERÁ QUE, APESAR DA GRANDE ROUBALHEIRA ACONTECER NOS MUNICÍPIOS E ESTADOS..NÃO SE VÊ A POLICIA CIVIL PRENDENDO NINGUÉM ...SÓ A FEDERAL FIZ ISSO PRA DEFENDER O PATRIMÔNIO DA UNIÃO

ANTES DE RESPONDER ISSO ...DESVERÍAMOS TENTAR RESPONDER A QUEM INTERESSA UMA POLÍCIA CIVIL DO JEITO QUE ESTÁ:

1-FUNCIONÁRIOS PÚBLICOS CORRUPTOS, SONEGADORES DE IMPOSTOS, EMPRESÁRIOS CORRUPTORES, 99% DOS POLÍTICOS QUE SÃO CORRUPTOS!

COM ISSO JÁ RESPONDI QUASE TUDO!!!

OU SEJA , QUASE O BRASIL INTEIRO TEM INTERESSE NUMA PC DESTRUÍDA....ENQUANTO O BRASIL FOR UM GRANDE EXEMPLO DE CORRUPÇÃO PARA O MUNDO...O MAL FUNCIONAMENTO DA PC VAI SER ESTRATÉGICO PARA MUITA GENTE QUE ESTÁ NO PODER.

DESTE MODO A DISCUSSÃO SOBRE O SUCATEAMENTO POLICIA CIVIL( DIGA-SE QUE FENÔMENO OBSERVADO EM TODOS ESTADOS DA FEDERAÇÃO) É MUITO MAIS AMPLA DO QUE PARECE!!!

POR ISSO ..QUE EM BRASIL TODO..A QUANTIDADE ESMAGADORA DOS RECURSOS DA SEGURANÇA VÃO PARA A PM...NÃO PORQUE SEJA MELHOR ( CONSIDERO-NA MUITO ARCAICA, TRUCULENTA , BURRA E ENIFICIENTE) .. E SIM PORQUE ELA NÃO PRENDE COLARINHO BRANCO ...SÓ LADRÃO DE GALINHA..POR ISSO QUE ELA É A POLÍCIA PREFERIDA E AMADA DOS POLÍTICOS BRASILEIROS!!


É UMA PENA ..MAS SÓ VAMOS VER UMA POLÍCIA CIVIL DECENTE NO BRASIL QUANDO ACABAR ESSA CULTURA SAFADA DE CORRRUPÇÃO!!! QUANTO MAIS CORRUPÇÃO MENOS PC E MAIS PM...


ESSA CONTA É CERTA:

MAIS CORRUPÇÃO= MAIS POLÍTICOS BANDIDO + MAIS SONEGAÇÃO + EMPRESÁRIO CORRUPTOR + POLICIA MILITAR TUDO ISSO IGUAL A MENOS PC

OU SEJA ..A PC DE SER INVERSAMENTE PROPORCIONAL A CORRUPÇÃO DO BRASIL ...ENTENDERAM CAMBADA DE JUMENTO????

NÃO QUERO DIZER COM ISSO QUE A PC NÃO SEJA CORRUPTA, POIS NESTE QUESITO ELA É SUPER CORRUPTA COMO A PM....


O QUERO DIZER COM TUDO ISSO É QUE A PC PRECISA ESTAR TOTALMENTE DESLIGADA DO PODER EXECUTIVO..COMO JÁ DIZIA O AUTOR ACIMA..ASSIM É NO MUNDO CIVILIZADO!!!

ESSE NEGOCIO DE UNIFICAR SERIA O FIM DE TUDO!!! POIS AO CONTRÁRIO DA PC...A POLICIA FARDA NÃO DE DESVINCULA DO EXECUTIVO

ENTÃO É ISSO GENTE!!! DEIXEMDE SER IDIOTAS PORQUE ESTÁ MUITO LONGE DA PC VIRRAR POLICIA DE VERDADE..CADA VEZ ,MAIS LONGE

TALVEZ ISSO SÓ ACONTECESSE SE A PC FICASSE SUBORDINADAS AO MP MAS ISSO OS DELEGAS ( QUE SÃO O DONOS DAS PCS) NÃO DEIXARIAM NUNCA...

PC CIVIL DESTRUÍDA...OS POLÍTICOS AGRADECEM!!!













Anônimo disse...

Este texto serve bem aqui...

Perguntas respondidas
Como faço para me tornar um policial civil?
pois é o meu sonho.e eu vejo somente pelo concursos,será q existe outro metodo?!!

Melhor resposta - Escolhida por votação

Entre no site da polícia Civil do seu Estado e veja quais os critérios da seleção. A tendência hoje em dia é tornar a maioria dos cargos de nível superior. Excelente iniciativa, pois o nível de seleção fica mais criterioso e assim cada vez mais vai deixando de existir a imagem de que para ser policial tem que ser bronco. O problema é que os governos (e também a população) não entende que o cidadão qualificado que hoje entra para a Polícia Civil, amanhã estará saindo para outra carreira, tendo em vista que os salários são incompatíveis com o exercício da função, que, acima de qualquer outra, impõem o sacrifício da própria vida. E não é na teoria não. Policial é morto todos os dias. As pessoas lembram daqueles que salvam suas vidas, e se esquecem daqueles que dão a própria vida por ele. Triste, não?Não bastasse uma vida perdida, a tragédia se desdobra num filho órfão e numa mulher viúva. Ganhar bem não é só para diminuir o risco de corrupção, mas também para você tornar a carreira atraente para pessoas preparadas querem entrar na profissão. São também por estes dois motivos que um juiz ganha tão bem: mais de R$ 20.000,00. Acho que o salário do policial deveria ser avaliado pelo povo da seguinte forma: Quanto você cobraria para colocar sua vida em risco, a fim de resolver os conflitos dos outros? Quanto você cobraria para exercer uma profissão onde você não sabe se mesmo estando vivo depois de trinta anos, se estará com saúde ou aleijado numa cama? Quanto vale o risco de você deixar seu filho órfão e sua mulher ou marido viúva(o)? Como querer que o indivíduo seja o máximo, tudo de bom, se ele é tratado como um servidor de quinta categoria? Você confiaria seu filho a uma babá que você trata feito cachorro? Serviços de qualidade somente poderão ser prestados por servidores de qualidade. Pessoas qualificadas só querem entrar para este tipo de profissão se for para ganhar bem.

Estude bastante, companheiro, mas saiba que além de não ser reconhecido nem no contracheque, o policial não tem o devido reconhecimento do povo que o malha todos os dias, mas na hora do sufoco liga logo para o 190 ou vai correndo despejar suas desgraças no balcão de uma delegacia.

Boa sorte.


Anônimo disse...

belos textos... tanto o 1º quanto o último...
infelizmente, toda a policia está corrompida, do menor ao mais alto escalão...vou preparar a polícia para me envestigar??? claro que não!!!! sou PM em SP e não aguento mais essa coisa de "estatística" e punição administrativa pelo simples fato de usar um celular durante o serviço, enquanto isso a bandidagem toma conta, e o coitado do cidadão de bem, aposentado, dona de casa, etc... continua perdendo seu misero salário para humanos protegidos por "direitos dos manos"...
Estou tentando ingressar na PC como investigador, pelo menos não terei mais esse monte de comandante "falsos moralistas" ignorantes... protegidos a sombra de um Regulamento disciplinar, o famoso "Rquero", comandantes que não tem voz ativa nem em suas casas e descontam nos policiais sob seu comando...


Anônimo disse...

Corrigindo, nem toda a polícia, tem muito profissional honesto na PM e na PC, me expressei mal ao dizer "toda a polícia está corrompida" minhas desculpas...

Anônimo disse...

QUERO entrar na policia, tenho 2 grau, muita confiança no que quero serei um bom policial.

Anônimo disse...

Cara, esse modelo de "policial de escritório" que você cita, é tudo o que eu queria na vida! Será que é uma boa carreira neste caso?

Anônimo disse...

Algum Policial Civil mais especificamente Investigador (nome do cargo atual) poderia compartilhar se na PC as coisas já melhoraram? Também sonho em entrar para essa instituição, mas para quem está de fora é difícil saber se vale ou não a pena...

dmaria disse...

Estou cursando administração ,no segundo semestre e tenho vontade de ingressar na Policia Civil, tem idade limite para ingressa???

Anônimo disse...

nosso amigo ricke esta corretissimo em relaçao a policia civil de mg, e digo mais, o que esta acontecendo e que o atual corregedor geral delegado renato patricio so quer aparecer em cima de policiais operacionais,forjando e aumentando provas em cartorio, acabando com a operacionaklidade da mpolicia , colocando homens errados nos locais de trabslhos errados, regando sua vaidade extrema, passando em cima de todos p satisfazer o mp no qual sempre foi puxa saco e por isso galgou este cargo de expressao infelismente, mas ele tem que agradar desagradando toda a classe que ele nao esta nem ai, o pior que ele indicou uns delegados lixos, p comandar interior que ja foram corregedores da estigma do mesmo,pasmen/// processados tbm qdo eram diretores de unidades prisionais no interior no inicio mde carreira e hj tem filho ladrao processado nacionalmente por corrupçao no caso do filho do mdelegado elder dangelo que e assecla de renato patricio , e assim por diante. sao homens assim que acabaram c a policia civil do estado por causa da submissao ao mp e vaidade exacerbada,criando um ninho de serpentes disfarsadas de coelhos, pois ninguem pergunta o que e feito com verba das diarias de viagens??????/ nem queiram saber..........isso nao da corregedoria ne????/ so tubarao inclusive os proprios senhores feudais da honestidade a todo preço kkkk,sabem se puxarem o sistema reds com o nome completo do chefe de policia, cilton brandao, ouvi dizer que sai uma ocorrencia policial militar cujo o mesmo e autor de discussao com menor em atitudes suspeitas, vale demais a pena conferir pois nao ha como apagar do sistema tanta vergonha deste bo.a imprensa nao teve acesso ou tbm puxa o saco dele ate que saia do podeer ne , este filme ja assisti varias vzs.

Anônimo disse...

puxa fiquei tbm sabendo desta ocorrencia e que o sargento reponsavel pela feitura do reds iria ser transferido p pqp se nao fosse a intervençao do deputado sargento tbm que ajudou o colega kkkkkkk vai ser honesto vai.......kkkkkkkkkkk mas esta registrado mesmo e e uma falta de decoro mesmo, grave, apesar de eu nao ter fobia homossexual,vale a pena conferir e dar acesso a imprensa tupi elmo nega rotam

Anônimo disse...

triste mesmo saber da verdade da chefia da policia civil de minas geraes, vaidades,descasos,autopromoçao com mentiras,corrupçao para pedir ou nao uma preventiva,fazer ou nao flagrantes,deixar responder em liberdade,furto de drogas qdo a apreençao e grande,revenda,etc........ mas se faz parte da corja que esta no comando atual da chefia, corregedoria principalmente,ala do renato patricio,vulgo roberto leal,se pode tudo,torturar matar roubar,desviar,furtar,acertar,enfim tudo se pode........agora se nao e da turma,ta preso, excluido,a honestidade aparfece das profundezas de um ser nefasto,ardil,dissimulado,falso,ganancioso,sem excrupulos,este e o verdadeiro roberto leal da corro.comedor de alunas da faculdade de direito de betim,este e o cara serio demais..........adultero....pilantra,as vagabundas das alunas se oferecem e ele transa mesmo depois agora esta com rabo preso e eu darei o nome de quem ele fez sexo na faculdade,e uma que ficava oferecendo e mostrando corpo dentro de sala de aula,se fosse esperto nao caia nessa agora isso vai a publico mesmo,pois como e de costume ela sabia que seria so aventura com um delegado,mas agora vai tirar vantagem disso tornando publico detalhes e fuder com ele no ambito familiar e proficional mesmo.

Anônimo disse...

policia civil preza pelas seguintes condiçoes para se atender a contento o cidadao de bem que por ventura figura como vitima de quaisquer delitos tipificados no codigo penal; vamos la; em primeiro lugar se verifica se a vitima e rica e caso afirmativo se vai deixar algum dinheiro com a equipe responsavel pela investigaçao, segundo lugar se a vitima tem influencia politica ou com chefes atuais da propria policia civil, em terceiro lugar se na decorrencia das investigaçoes podem se desmenbrar a procura dos receptadores no caso de furto ou roubo para entao identifica los e cobrar uma fortuna de acordo com cada caso para nao ser intimado e ser reduzido suas declaraçoes em cartorio, ou ate mesmo deixar de pedir sua preventiva principalmente nos casos de assassinos de posses,,, em quarto lugar se for crime de sequestro usar o maximo que puder a parafernalia que a familia se dispoe a ceder p policia como carros de luxo, gazolina a rodo, celulares,comida hospedagens, e ainda a promessa dos desesperados familiares que se der certo ganahram umas luvas ou seja fortuna de brinde , coisa que e obrigaçao do estado,,,,,e ainda ocorre que no momento crucial do pagamento do resgate a policia fica com o dinheiro e extermina os bandidos dando conta que os mesmos se evadiram sem deixar pistas, mas soltaram a vitima , assim se ganha por 2 vzs,,,, quando e assalto a banco ou carro forte jnta se uma centenna de viaturas desorientadas e sem comando pela corrida do ouro , nao precisa nem explicar ne????????????????/ e os trouxas da populaçao pensam que e a força policial se locomovendo de sirenes ligadas para salvar a patria e prender os criminosos devolvendo um dinheiro segurado ao banco kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Anônimo disse...

VAI QUE COLAAAAAAAAAAAAAAA KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Anônimo disse...

E O PIOR E QUE ISSO NAO E ENSINADO NA ACADEPOL, MAS QUEM NAO ENSINA, NA PRATICA FAZ A MESMA COISA............. SAO OS MISTERIOS DA POLICIA CIVIL

anônimo 22 disse...

Estou muito tocado por causa do que li aqui. Ao mesmo tempo em que estou muito feliz por perceber que existem policiais assim, tão compromissados com sua obrigação do servir, ansiosos por auxiliar a população, homens de brio, que suscitam orgulham em civis como eu; estou pesaroso por ter tido acesso a essas informações a respeito da polícia civil.

Esse sim é o policial dos sonhos! Todavia, impedido de trabalhar.....

Ora, sonho eu em ser um policial civil (motivo que me trouxe até este post). Isto frustra meu desejo! Mas é louvável, porque o que vemos aqui é um desabafo de uma pessoa que exala caráter. Só me resta concordar com você e compartilhar do seu sonho da existência de uma polícia renovada.

Pelas palavras escritas identificamos o homem! Obrigado por isto. Não deve haver quem não o apoie. Mesmo porque sentimos muita falta de policiais como vc, amigo. São homens assim que nos enchem de orgulho e nos ensinam muito sobre como devemos pensar.

Só me resta dizer que torço por vc agora. Para que esta polícia que vc anseia venha a se tornar parte do nosso convívio. Temo que pessoas como vc, em meio a tantas frustrações, deixem mesmo a polícia, abrindo caminho para os preguiçosos, os acomodados, os que se sentem bem com a situação. E nós, cidadãos, cada vez mais carentes, sem a nossa polícia, nossa segurança.

Sabe, irmão, mesmo não sendo um policial compartilho dos seus ideais, e espero que o modelo que vc queria no princípio da sua jornada como policial venha um dia se tornar real. Afinal, os únicos que sairiam perdendo com isso seriam os criminosos. Eu, vc, toda nossa sociedade estaríamos juntos, fazendo enfim o que mais queremos: desfrutando de muita paz.

Aceite meus cumprimentos. Muita sorte em sua jornada.

anônimo 22 disse...

Estou muito tocado por causa do que li aqui. Ao mesmo tempo em que estou muito feliz por perceber que existem policiais assim, tão compromissados com sua obrigação do servir, ansiosos por auxiliar a população, homens de brio, que suscitam orgulham em civis como eu; estou pesaroso por ter tido acesso a essas informações a respeito da polícia civil.

Esse sim é o policial dos sonhos! Todavia, impedido de trabalhar.....

Ora, sonho eu em ser um policial civil (motivo que me trouxe até este post). Isto frustra meu desejo! Mas é louvável, porque o que vemos aqui é um desabafo de uma pessoa que exala caráter. Só me resta concordar com você e compartilhar do seu sonho da existência de uma polícia renovada.

Pelas palavras escritas identificamos o homem! Obrigado por isto. Não deve haver quem não o apoie. Mesmo porque sentimos muita falta de policiais como vc, amigo. São homens assim que nos enchem de orgulho e nos ensinam muito sobre como devemos pensar.

Só me resta dizer que torço por vc agora. Para que esta polícia que vc anseia venha a se tornar parte do nosso convívio. Temo que pessoas como vc, em meio a tantas frustrações, deixem mesmo a polícia, abrindo caminho para os preguiçosos, os acomodados, os que se sentem bem com a situação. E nós, cidadãos, cada vez mais carentes, sem a nossa polícia, nossa segurança.

Sabe, irmão, mesmo não sendo um policial compartilho dos seus ideais, e espero que o modelo que vc queria no princípio da sua jornada como policial venha um dia se tornar real. Afinal, os únicos que sairiam perdendo com isso seriam os criminosos. Eu, vc, toda nossa sociedade estaríamos juntos, fazendo enfim o que mais queremos: desfrutando de muita paz.

Aceite meus cumprimentos. Muita sorte em sua jornada.

Anônimo disse...

Muito Bom o texto e digno de respeito o policial que o escreveu.
Todavia, até hoje eu só vi investigadores irem pra rua arrumar "treta" e atuar de maneira a privilegiar interesses próprios - aquele caso que render mais dinheiro-. Acredito que essa mudança de foco e o retorno da verdadeira finalidade da polícia civil, só acontecerá com a unificação de todas as carreiras nos moldes da polícia americana e chilena.

Anônimo disse...

O comportamento do policial não tem qualquer relação com a questão da unificação das polícias. Não misture as coisas, cada polícia tem a sua forma de atuação.

Anônimo disse...

muito bom texto... em breve serei um PC/MT

Anônimo disse...

EU NAO CONHEÇO ESSE POLICIAL , MAIS NA POLICIA HJ EXISTEM OS BUNDAS MOLES MEDROSOS QUE SO ESTAO NA POLICIA MESMO POR SEGURANÇA EM UM EMPREGO , EU CONHEÇO POLICIAIS CIVIS DA MINHA TURMA QUE NUNCA SE QRFORAM PARA AS RUAS E NAO ANDAM COM SEUS DISTINTIVOS , POR MEDO , POLICIAIS ASSIM PARA MIM DEVERIA IR PARA O INFERNO SER OS PRIMEIROS ,A IR PARA O SACO , E OUTRA A POOICIA CIVIL SO TEM UMA MORALZINHA HJ E POR CAUSA DOS ANTIGOS ,PQ PELOS OS D HJ KKKKK SO PENSAM EM CANETA .

Anônimo disse...

O texto daria pra ser un filme. Mas os comentários são os melhores... KKK
diferencia o não do sim, é uma luta constante.
Herói o vilão? É uma pergunta individual!
Bundoes caros amigos, todo lugar tem!

Anônimo disse...

O texto daria pra ser un filme. Mas os comentários são os melhores... KKK
diferencia o não do sim, é uma luta constante.
Herói o vilão? É uma pergunta individual!
Bundoes caros amigos, todo lugar tem!

Anônimo disse...

MEU CARO COLEGA, NÃO TENHO PALAVRAS PARA ELOGIAR TUDO E TODA A REALIDADE QUE DESCREVESTES, NÃO TENHO COMO DIZER O QUÃO IMPORTANTE É SUAS PALAVRAS ATRAVÉS DESSA ESCRITA, GOSTARIA QUE ESSE TEXTO SE TRANSFORMASSE EM REALIDADE IMEDIATAMENTE, VIRASSE VERBO, GOSTARIA DA UNIÃO DE TODO NÓS PARA QUE UM DIA SE TORNASSE REALIDADE, UMA PENA NÃO SABERMOS POR ONDE E COMO COMEÇAR. UM FORTE ABRAÇO E QUE DEUS ILUMINE VOSSAS PALAVRAS E QUEM SABE UM DIA VEREMOS ISSO NO NOSSO DIA A DIA. ABCS. TKS . QRV.

Anônimo disse...

Notícias do Rick.
Infelizmente até hoje o autor do brilhante texto não se adaptou à polícia civil. Ele constantemente é transferido por inutilidade pública. Estou preocupado com ele, pois claramente sofre de problema mental e pode surtar à qualquer momento. Devemos fazer um adendo em seu texto, sugerindo um teste psicológico mais profissional aos novos policiais, represando assim a entrada de merdas inúteis e onerosas como ele.
É o Brasil.

Anônimo disse...

Não fale assim do rick. Ele não faz mal a ninguém. Na delegacia entra mudo e sai calado. Quando chega pega a sua mochila e abre seus livros. Depois lancha, espera o almoço, lancha e vai embora. Todos os dias é a mesma coisa. Nada por 4 mil ao mês e ainda está depressivo. Não fale assim dele, apenas reze para que os 26 anos que faltam para ele aposentar chegue rápido.

Unknown disse...

Olha cara acredito que este tipo de texto deveria ser redigido com intenção e ação, qualquer banana pode escrever o que quiser e logo depois apenas ver o que vão falar dele.
O homem verdadeiro fala e vai atrás de solucionar o problema, do contrario fica calado, o que é sabio.
Mas é assim mesmo latir atráz da segurança do portão é fáciu, todo cachorro faz.
Desculpa pela rispidez, mas se está decepcionado PEDE PRA SAIR e deica de sujar a repartição com sua presença, larga da teta do governo e vai ralar lá fora... Se não vai agir fica calado ou vai embora.

Unknown disse...

Acredito que este cara seja aquele tipo que só faz o que se manda, sem iniciativa e suja o departamento. Estou me preparando para ser PC, e ja tenho respeito pela corporação independente de suas falhas acredito na PC e sei que tem problemas, mas cuspir no prato que se come é ingratidão.

Unknown disse...

EXATO!

Unknown disse...

Leia as ultimas noticias dele...

Unknown disse...

Leia as ultimas noticias dele...

Unknown disse...

EXATO!

Anônimo disse...

Ele abandonou a PC
Externo ao conhecimento a quem interessar, que o autor do texto já não pertence mais aos quadros da PC. Após causar atrito por.onde passou, ele não suportou as incontáveis sindicâncias administrativas e foi exonerado a bem do serviço público. Ele ficou mais de dez anos na polícia e não efetuou uma investigação e ou prisão.

Unknown disse...

Parabéns! Excelente artigo!

matheus jesus disse...

a verdade doi..Bem está ele agora fora diste sistema pressor.

Postar um comentário

Comentários - Regras e Avisos:
- Nosso blog tem o maior prazer em publicar seus comentários. Reserva-se, entretanto, no direito de rejeitar textos com linguagem ofensiva ou obscena, com palavras de baixo calão, com acusações sem provas, com preconceitos de qualquer ordem, que promovam a violência ou que estejam em desacordo com a legislação nacional.
- O comentário precisa ter relação com a postagem.
- Comentários anônimos ou com nomes fantasiosos poderão ser deletados.
- Os comentários são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores e não refletem a opinião deste blog.
- Clique aqui e saiba mais sobre a política de comentários.

 
Os pontos de vista aqui publicados são de responsabilidade dos respectivos autores, não representando versões oficiais de quaisquer instituições.
© 2007 Template feito por Templates para Você - Deformado por José Ricardo
▲ Topo