Homenagem ao meu policial

sexta-feira, 18 de maio de 2012

    Hoje, após muito ler sobre policiais militares resolvi escrever sobre um dos lados desta linda profissão (pelo menos pra mim).
     Sou esposa de Policial Militar aqui chamados de Brigadianos, ouço e escuto as histórias do seu dia a dia, porque querendo ou não, sou sua psicóloga em casa, escuto suas angústias, medos, tristezas, decepções, e além de tudo isso, sua alegria e orgulho em ter essa profissão.
      Todos os dias quando ele sai para o serviço é como se eu saísse para trabalhar com ele, a mesma adrenalina que ele sente dentro de uma viatura é a mesma que passo olhando para o relógio esperando a hora dele chegar.
     A cada saída, independentemente de ir para o serviço ou não, pois  ele é policial 24 horas por dia, dou-lhe um beijo e um abraço e o lembro quanto o amo, desejo que tenha um ótimo serviço e mais que tudo que Deus sempre o proteja, e sempre lembrando também que é para se cuidar, pois tem gente esperando a cada fim de serviço em casa.
     Não temos finais de semana, no qual nem esperamos como as pessoas normais as quais ficam contando os dias da semana para que chegue,  feriados?! Não, no máximo eu e Deus!
     Mas, não estou reclamando não, o que quero deixar claro que para mim ele é mais que o meu marido, ele é o meu herói, o qual deveria ser tratado como tal pela nossa sociedade.
     Um dos momentos em que mais me comovi com ele, foi quando um dia chegou indignado com o acontecido em serviço, chegou em casa   tirou sua boina e abrindo seu colete me contou com seus olhos lacrimejados que um colega tinha morrido dentro de sua viatura. O colega foi confundido com bandido e 3 policiais civis atiraram nele, até então o “elemento” baleado era bandido quando sua viatura chegou e constatou em sua arma o emblema do Estado do Rio Grande do Sul e se deram em conta que conheciam a moto a qual estava no chão, rapidamente o colocaram na viatura e o socorreram, rezando para que na hora em que tirassem o capacete não fosse um colega, chegando ao hospital ficaram perto para ver se era mesmo a quem dentro da viatura em deslocamento o rádio anunciou o nome do dono da moto, a esperança deles era tanta que Deus fosse maior e que fosse sim um bandido que tivesse roubado sua arma e sua moto, mas infelizmente era mesmo o colega. A tristeza bateu como se fosse um parente.
     Mas retomando ao assunto de herói, e reafirmando que ele é o meu herói, certa vez ele também chegou em casa indignado com um fato que ocorreu naquela noite, um senhor de bem o qual trabalhava honestamente em dois serviços para poder sustentar a família foi pedir dois dias antes para que um bandido na hora que fosse fugir do seu ponto de venda de droga não passasse mais pelo pátio de sua casa, pois tinha filhos e ele e sua esposa teriam medo se acaso ocorresse um tiroteio, então este mesmo bandido respondeu aquele homem que ele iria o matar. Dois dias após, o homem tanto que o prometeu o fez, o homem saiu de casa para ir para o seu segundo serviço do dia e o bandido o matou com tiros. Algum tempo depois meu herói chegou em casa feliz da vida me contando que teria conseguido prender o “filho da puta” (com perdão da palavra), o orgulho tomou conta dessa pessoa, por mim eu faria uma estátua para homenageá-lo.
     Um dia lhe perguntei se gostava de fazer o que fazia, a resposta foi: -” minha maior satisfação é quando chega o horário de eu ir trabalhar e ter que colocar minha farda, gosto muito, amo o que faço.”
      A cada chegada de serviço, cada batida de portão, o qual sei que é ele, sai automaticamente um suspiro de alívio, e penso: “Obrigada meu Deus”!
     Hoje, mais ainda, estou feliz da vida, com o apoio dele prestei o concurso para a BM e graças ao nosso bom Senhor, passei. E digo que uma das grandes incentivações que tive foi da parte dele, sua dedicação, seu esforço, sua satisfação e principalmente orgulho em servir a população e a Brigada Militar.
     Aqui então, fica registrado o orgulho que eu sinto de ser casada com este homem e soldado.
     Quero deixar claro aqui também, que não é somente eu que sinto e vivencio isso diariamente, são milhares de mulheres, mães, esposas, namoradas, também somos guerreiras na nossa luta diária em casa a espera de seus amados.

      E parabéns amor por ser este profissional que és !



Gostou desta postagem? Então cadastre-se AQUI para receber as atualizações do Universo Policial no seu e-mail ou no seu agregador de Feed/RSS.

14 comentário(s):

("ړ) ♡ ✿❀✿ ♡♥☺♪(◡‿◡✿) KATE RODRIGUES ♥☺♪(◡‿◡✿)♡ ✿❀✿ ♡ ("ړ) disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anônimo disse...

EM CONTRAPARTIDA: O SISTEMA ESCONDE DAS ESPOSAS AS REITERADAS TRAIÇÕES DO MARIDO!

Dr Cana disse...

Muito bom o texto,certamente traduz a realidade do policial da Brigada,infeliz foi o comentário anonimo onde por não conhecer as leis,a realidade e nem o meio militar,fez seu comentário infundado,possivelmente com inveja de não ser mulher de PM,ou de não ter conseguido fazer parte do efetivo da Glóriosa Brigada Militar,pois caso não tenha conhecimento,as instituições,sejam municipais ,estaduais ou federal,primam pela ética,moral e disciplina entre outros quisitos não menos importante..então a vida particular de um ou dois não traduz a realidade de todos,ou seja,a instituição não tem relação com a conduta do militar,sendo assim ele ter liberdade,desde que não desrespeite as leis e direitos,é considerado como uma pessoa normal,com a exceção do preparo psicólogico,técnico,moral e coragem que são exigidos diaramente daqueles que dão segurança para a sociedade de todo o Brasil..

Dr Cana disse...

Uma das profissões que é necessário coragem,paciência,sabedoria e discernimento..além de conhecimento de vários fatores relacionado a área administrativa da instituição..por isso cada vez esta mais dificil de ingressar nas instituições militares,sendo assim parabéns aqueles que são idôneos,corretos e humildes,que desemenham suas atividades com gosto..e apesar de não ganharem salários dignos,não desanimam..e estão no dia-dia combatendo o mal.

Anônimo disse...

Nao sou casada com policial, AINDA. Se foosse sentiria maior orgulho do meu marido. Os policiais sao verdadeiros herois, sem falar que ficam lindos naquelas fardas.

De Souza C/3 AC disse...

Belo texto!Na verdade,a grande maioria dos policiais tem o mesmo sentimento,sentem as mesmas angústias e aflições que esta profissão nos confere.Uma profissão muito bonita,mas que traz muito sofrimento e pouco reconhecimento por parte da sociedade.Para os bons policiais,o sentimento do dever cumprido é muito gratificante,é motivo de orgulho e de alegria.O melhor de tudo é saber,que nós profissionais desta área temos pessoas que nos amam e nos dão força para suportar e superar as adversidades.Mesmo não recebendo um salário justo,mesmo sendo reconhecido por poucos eu:"AMO O QUE FAÇO,ADORO SER POLÍCIA,NÃO ME VEJO EM OUTRA PROFISSÃO QUE NÃO SEJA SER POLÍCIA!!!".

Anônimo disse...

Dr Cana disse...
Muito bom o texto,certamente traduz a realidade do policial da Brigada,infeliz foi o comentário anonimo onde por não conhecer as leis,a realidade e nem o meio militar,fez seu comentário infundado,possivelmente com inveja de não ser mulher de PM,ou de não ter conseguido fazer parte do efetivo da Glóriosa Brigada Militar,pois caso não tenha conhecimento,as instituições,sejam municipais ,estaduais ou federal,primam pela ética,moral e disciplina entre outros quisitos não menos importante..então a vida particular de um ou dois não traduz a realidade de todos,ou seja,a instituição não tem relação com a conduta do militar,sendo assim ele ter liberdade,desde que não desrespeite as leis e direitos,é considerado como uma pessoa normal,com a exceção do preparo psicólogico,técnico,moral e coragem que são exigidos diaramente daqueles que dão segurança para a sociedade de todo o Brasil, com apoio de Jose Antonio Miglçiorini, Ricardo Escorizza dos Santos, Cloves de Souza e tasntos outros..

Anônimo disse...

Que satisfação poder entra nesse momento de serviço, saber que posso sempre acreditar que os anos e como o tempo, existam pessoas bem amada, principalmente com a vida. Pois, sou assim também, dedicado ao serviço, policial militar, e hoje já agora me completou para que meu dia tornasse ainda melhor. Parabenlizo, pela sua atitude, e que DEUS sempre permanessa na vida de voces dois, sempre iluminando a estrada de voces.Valeu.

Anônimo disse...

Muito bom saber que existem esposas assim, pois uma grande parte não sente tanto orgulho desta maneira. Que Deus ilumine e proteja todos os Policiais, e que faça com que sejam melhor reconhecidos, com dignidade, melhores condições de trabalho.

Ary disse...

parabéns por expressar tão bem o que nos mulheres de pm sentimos quando eles vão trabalhar e principalmente quando ouvimos o barulho do portão!

Anônimo disse...

tem muita gente ,que critica a profissão do policial...é facil critica-los são eles que morrem por nois......policias vcs são os herois da sociedade,mesmo não sendo reconhecidos.........parabems por quem escolheu esa profissão..

Anônimo disse...

Todo policial é corno kkkk. No meu estado é regra e tem uns que são cornos mansos assumidos. Em 2011 tive um caso com uma mulher de pm. Ele passavd 3 dias fora e eu 2 com a esposinha carente dele. Conheci na academia em que eu treinava na época, papo vai papo vem, joguei o caõ e creu já era. Por incontaveis momentos nós estavamos em moteis e corno ligando pra saber como ela estava. Mentia olhando pra mim dizendo que estava na casa da mãe, amigas ,depois tirava sarro do marido e caia em meus braços. Tempo bom aquele.

Anônimo disse...

Tenho maior orgulho do meu marido..E parabens a todas esposas desses herois, pois d alguma forma somos guerreieas tmb...Pois nao é pra qalqer uma ser fiel a um esposo qe passa mais tempo no servico do qe com a familia.ISSO E SO PRA MULHER De VERDADE

Anônimo disse...

Parabéns policiais por essa linda profissão!!!Só nos esposa entendemos!!!<3

Postar um comentário

Comentários - Regras e Avisos:
- Nosso blog tem o maior prazer em publicar seus comentários. Reserva-se, entretanto, no direito de rejeitar textos com linguagem ofensiva ou obscena, com palavras de baixo calão, com acusações sem provas, com preconceitos de qualquer ordem, que promovam a violência ou que estejam em desacordo com a legislação nacional.
- O comentário precisa ter relação com a postagem.
- Comentários anônimos ou com nomes fantasiosos poderão ser deletados.
- Os comentários são de exclusiva responsabilidade dos respectivos autores e não refletem a opinião deste blog.
- Clique aqui e saiba mais sobre a política de comentários.

 
Os pontos de vista aqui publicados são de responsabilidade dos respectivos autores, não representando versões oficiais de quaisquer instituições.
© 2007 Template feito por Templates para Você - Deformado por José Ricardo
▲ Topo